Luiz Inácio Lula da Silva e Thiago Gagliasso
Reprodução/Instagram
Luiz Inácio Lula da Silva e Thiago Gagliasso


Thiago Gagliasso  segue atento aos últimos acontecimentos no Brasil e no mundo e falando sobre tudo em suas redes sociais. Tanto que fez questão de enviar um alô para Luísa Sonza, que teve o clipe da canção "Mulher do Ano" censurado no YouTube e, consecutivamente, postado em um site de entretenimento adulto, com mensagens, como: "Não se esqueça de que boa parte do seu público é infantil", "tenha consciência com quem você se comunica antes de querer lacrar" e "nada contra seu trabalho, só não gostaria que minha sobrinha de onze anos fosse buscar seus vídeos por lá".

Como se isso não bastasse, o  caçula dos Gagliasso, que é admirador de Jair Bolsonaro, de extrema-direita, usou os recém-terminados Jogos Olímpicos de Tóquio para mandar uma indireta para Luiz Inácio Lula da Silva. 

Primeiro falou da saudade que as Olimpíadas deixarão, depois deixou seus cumprimentos "a todos os atletas, décimo segundo lugar", elencando as sete medalhas de ouro, as seis de prata e as oito de bronze, totalizando vinte e uma.

Quanto ao pugilismo, escreveu, entre emojis de risos: "Foi destaque com três. E só não levamos mais, porque o Lula não foi, porque certamente ele não perderia um assalto".

Você viu?


A publicação, no entanto, dividiu opiniões no Twitter. Enquanto muitos acharam o comentário "sincerão" de Gagliasso engraçado, outros criticaram a atitude dele. "Essa foi boa. Felicitações para a delegação brasileira", disse um. "Hahahaha, você é ídolo, Thiago. Parabéns pelo seu caráter!", completou outro.

Mas, na contramão desses, tiveram aqueles que não economizaram nas críticas: "Piadinha de quinta série, que patético!" e "Agora entendi porque é um bost*, invejoso e fracassado, e o seu irmão, um cara de luz maravilhoso e sensato" foram algumas das frases deixadas por quem não simpatiza com a atual gestão.



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários