Samantha Schmütz, Thiago Gagliasso e Xuxa Meneghel
Reprodução/Instagram
Samantha Schmütz, Thiago Gagliasso e Xuxa Meneghel


Ferrenho defensor do governo de Jair Bolsonaro,  Thiago Gagliasso, que já se indispôs com o irmão e outros famosos por diferenças políticas, utilizou o microblog para dizer que ficou "feliz em ver a nossa querida  Samantha Schmütz alfinetar e cobrar os artistas que não se manifestaram sobre o incêndio na Cinemateca", no último dia 29, em São Paulo. Mencionou também que agora vai esperá-la lembrar alguns da satisfação que devem dar em relação ao passivo, "que está em R$ 13 bilhões", completando: "Vai que ela resolve falar com a Xuxa, sei lá…".


Essa, na verdade, foi uma brecha que o ator encontrou para cutucar a  apresentadora — que já publicou vídeo nas redes sociais pedindo o impeachment do presidente — e fazer alusão aos filmes "Xuxa em O Mistério de Feiurinha", "Xuxa e o Tesouro da Cidade Perdida" e "Xuxa Gêmeas", que aparecem entre os projetos que receberam recursos públicos, não especificaram como o dinheiro foi usado e, por isso, não passaram pelo crivo da Agência Nacional do Cinema.



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários