Luiza Brunet
Reprodução/Instagram
Luiza Brunet


Com a certeza de que abraçar a causa exorciza as dores e dá um norte a outras vítimas, a ex-modelo e empresária Luiza Brunet, que denunciou agressão do ex-companheiro, o empresário Lírio Parisotto, virou ativista não só no Brasil, nação que ocupa o quinto lugar em número de feminicídios, mas também em diversas partes do mundo.

Um exemplo disso é a proposta que a mãe de Yasmin Brunet e sogra de Gabriel Medina recebeu da make-up artist paraense Débora de Souza Denecke para ser madrinha do "Frauen in Not E.V. (Mulheres em Perigo)", com sede em Bremen, na Alemanha, cujo objetivo é dar amparo a brasileiras que sentem essa crueldade na pele.

Para ela, que revelou ter passado por coisas terríveis sem poder contar com ajuda, o "sim" foi uma grande vitória. "Agora, teremos uma associação europeia para auxiliar quem está em situação de ameaça dentro de casa", manifestou-se Débora. Além de Brunet, reforçaram o time a atriz Stella Rocha, a advogada Delaine Kuhn e Louisa Monteiro, do Brasileiros Sem Fronteiras.


Sarau literomusical

Carlos Navas
Divulgação
Carlos Navas


A convite da poetisa e jornalista Sueli Batista, Carlos Navas será a atração nacional do centenário da Academia Mato-Grossense de Letras, que acontecerá na Casa Barão de Melgaço, em Cuiabá, no próximo dia 28, a partir das 17h30, com transmissão pelo seu canal no YouTube. "A emoção de cantar para uma plateia presencial novamente é imensa! Vou dedicar às minhas avós", começou dizendo.

Depois, o artista, que é um dos cem jurados da atual temporada do "Canta Comigo", apresentado por Rodrigo Faro, na RecordTV , explicou o motivo: sua avó materna, Maria de Lourdes Nogueira Mendes, nasceu lá, em 1918. Já a paterna, Noêmia Barbosa Navas, em Campo Grande, "mas, naquele tempo, era tudo um Mato Grosso só. Tenho ligação de afeto muito intensa com aquele público quente", contou.

Ao falar sobre o repertório, adiantou que interpretará canções que remetem à cultura do Estado, como "Matogrossense", "Bandoleiro", de Luhli e Lucina, esta também cuiabana, e faixas do álbum "Pássaro Passará", no qual poemas de Sueli Batista foram musicados por Lucina e Alzira E. Vale ressaltar que o disco acaba de ganhar nova tiragem física e pode ser ouvido por meio das plataformas digitais.


Som na caixa

Banda Rastapé
Leibniz/Divulgação
Banda Rastapé


Após "Tantas Flores", a banda Rastapé disponibilizou em todas as plataformas digitais o single "Encanto dos Anjos", que dará nome ao EP, com lançamento previsto para setembro. Já a letra fala sobre o amor dos pais e nasceu mediante um sonho, que, como Jorge Filho fez questão de ressaltar, trouxe a sensação de paz e, ao mesmo tempo, saudade.

Você viu?

"Esses sentimentos serviram de inspiração para compor e homenagear meus filhos, que estão afastados devido à pandemia", disse o também vocalista do grupo. Mas engana-se quem pensa que as novidades param por aí! Quando tudo isso passar, eles devem subir ao palco para a gravação de um novo DVD com convidados especiais.


Emendando trabalhos 

Victor Maia
Reprodução/Instagram
Victor Maia


Coreógrafo do quadro Lata Velha, do "Caldeirão do Hulk", que volta a ser exibido a partir deste sábado (15), na Globo, o também ator Victor Maia dará as caras no longa-metragem "Quem Vai Ficar com Mário", que tem direção de Hsu Chien, de "Ninguém Entra, Ninguém Sai", e estreia nos cinemas no próximo dia 27.

Caberá a ele interpretar Kiko e dividir a cena com Nando Brandão e Nany People. Assim como em "A Gaiola das Loucas", a trama, estrelada por Daniel Rocha, gira em torno de homens gays que precisam se passar por heterossexuais. Ainda no elenco, José Victor Castiel, Felipe Abib, Rômulo Arantes Neto e Letícia Lima.


Novo site!

Diego Vinicius
Divulgação
Diego Vinicius


Com a pandemia, as pessoas se tornaram mais abertas a ampliar os seus conhecimentos. Um exemplo disso é o fotógrafo e também influenciador digital Diego Vinicius, que acaba de colocar uma página de internet no ar com o objetivo de reconhecer o olhar artístico, o conhecimento técnico e enaltecer registros de profissionais que são referência no Brasil e em outros países.

Por isso, o projeto, que começou a ser idealizado no fim do ano retrasado, foi batizado de "Mundo do Fotógrafo". Ao falar de sua inspiração, o curitibano se lembrou do número de gente talentosa que atua na área e "não tem o destaque merecido", acrescentando, logo em seguida, que o seu desejo é "fazer trabalhos incríveis decolarem".

Ainda durante o bate-papo com o iG Gente, ele opinou sobre mulheres que vêm registrando histórias com suas câmeras, conquistando espaço e mostrando que o "sexo frágil" nunca existiu. "É importante a presença feminina em todas as profissões, principalmente na fotografia, que antigamente era exercida prioritariamente por homens. Nós temos muito o que aprender com elas", concluiu.



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários