Fátima Bernardes foi sabatinada no Roda Viva, da TV Cultura
Reprodução/TV Cultura
Fátima Bernardes foi sabatinada no Roda Viva, da TV Cultura


Após dez anos sendo atacada por fãs que ficaram órfãos da sessão de desenhos TV Globinho, Fátima Bernardes enfim rompeu o silêncio e assumiu que partiu dela a iniciativa de acabar com o programa da Globo e lançar o Encontro, que marcou sua transição do Jornalismo para o Entretenimento da emissora.


Durante sua participação no Roda Viva, da TV Cultura, na noite de segunda-feira (25), a ex-titular do Encontro disse que passou a analisar a grade da Globo e viu que a faixa de desenhos estava perdida e, para ela, não fazia o menor sentido de continuar existindo. Foi quando ela desenhou o projeto de seu programa e ofereceu para a direção da emissora.

"Eu estava com vontade de fazer uma coisa diferente, queria ter um programa. Comecei a olhar a grade da Globo. Eu via que o programa... na época o Globo Rural era diário. Tinha Globo Rural, jornal local, Bom Dia Brasil, Ana Maria Braga, de repente desenho. Aí jornal local, Globo Esporte, Jornal Hoje. Eu falei: 'Gente, esse desenho tá perdido aí no meio'", explicou Fátima.

Ela ainda lembrou que as principais rivais da Globo (Record e SBT) já haviam se posicionado a respeito da exibição de desenhos animados em sua programação e usou a seu favor o fato de que a faixa impedia a emissora de lucrar com publicidades.

"Como é que a criança vai ter um sino, que vai tocar [avisando]: 'Pessoal, 10h40, 10h30, vai ter desenho na Globo'. Enquanto as outras emissoras já tinham feito algumas [coisas], como a Record, [que teve] a opção por sair do desenho, o SBT por permanecer desde as 7h. Eu falei: 'Isso aí não tá bom não, tem um espaço que dá pra encaixar'", lembrou.

"E comecei a ouvir que a própria TV estava com uma certa estranheza em relação a aquele horário. Um horário que voce não anuncia, né? Aí eu sugeri. Eu falei: 'Vou sugerir um programa para esse horário, que venha da Ana Maria, que é entretenimento, e que a gente possa levar para entregar para o jornalismo local'. Então era um programa que surgiu assim, eu pensei neste horário, e apresentei a ideia para este horário", explicou.

Veja o trecho da entrevista em que Fátima assume que partiu dela a ideia de acabar com a TV Globinho:


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários