Antonia Fontenelle e Felipe Neto
Reprodução/Instagram
Antonia Fontenelle e Felipe Neto


Não é notícia repetida. Antônia Fontenelle foi novamente condenada criminalmente pela juíza Simone Cavalieri Frota, do 9º Juizado Especial Criminal da Barra da Tijuca. Desta vez, a influencer foi condenada por chamar Felipe Neto de "vagabundo de merda" e se referir ao youtuber como "esse merda". Por ser ré primária e ter bons antecedentes, a juíza optou pela pena de multa. Antônia gravou um story no Instagram sobre a condenação.

As afirmações da influencer foram contestadas pelo advogado de Felipe Neto, André Perecmanis, que falou com a coluna com exclusividade:
"Não é verdadeira a informação de Antônia Fontenelle, a qual diz ter sido condenada ao pagamento de apenas R$ 5 mil de multa pela propagação de ofensas contra o comunicador digital Felipe Neto.

Assim como é igualmente mentirosa a afirmação de que o teria chamado de 'feioso'. Na realidade, na segunda condenação que recebeu, foi imposto à mesma o pagamento de uma multa de aproximadamente R$ 126 mil por tê-lo chamado de 'merda' e 'vagabundo de merda'. Além disso, a expectativa é de que outras condenações ainda ocorram", afirmou o advogado. Antônia Fontenelle já disse que vai recorrer da decisão.

Pelos stories, ela falou sobre a condenação. "Acaba de sair mais três sentenças, duas o Felipe Neto perdeu e uma eu fui punida de novo e multada em R$ 5 mil reais, por algo que eu nem sei. Foi algo menos grave do que 'm*rda', não sei o que eu falei. Em duas ele perdeu, nessa eu perdi, vou recorrer porque é primeira instância", disse. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários