A edição do último domingo (4) do 'Fantástico', na Globo, trouxe uma matéria sobre turismo na Disney durante a pandemia. Até aí, tudo bem. O problema é que uma parte do programa, tido como nobre na emissora, foi feito em parceria com o empresário Rodrigo Branco - o mesmo que em março deste ano disparou ofensas raciais contra a jornalista Maju Coutinho e a ex- BBB Thelma Assis. Por conta deste lamentável episódio, as duas movem ações na Justiça contra o empresário.

Apresentadores do Fantástico e Maju
Reprodução/Globo
"Fantástico" recebe críticas por colocar empresário que foi racista com Maju em reportagem


O que mais causou estranheza para esta colunista é que Maju vem a ser a substituta de Poliana Abritta no programa. A emissora carioca que sempre diz repudiar atitudes e quem promove atitudes racista, parece se contradizer com essa ação. Uma rápida ida ao Google teria evitado esse constrangimento.

Durante a reportagem apresentada, ele é descrito como guia de famoso e a narração é ilustrada com as fotos de várias celebridades que durante todo o ocorrido evitaram ter suas imagens associadas à do guia. Nesta lista, incluímos Ivete Sangalo, que foi mostrada na matéria, mas na época criticou a atitude racista de Rodrigo. Nas redes sociais, a participação de Rodrigo na Globo não pegou bem e vários internautas criticaram a postura da emissora da família Marinho.

"O 'Fantástico' errou feio em pedir imagens para Rodrigo Branco sobre como está o turismo na Disney durante a pandemia. Ele é o mesmo que foi racista com Maju, jornalista da emissora. O posicionamento antirracista precisa ser firme sempre", disse a jornalista Gabriela Coelho. Já a internauta Dominique pontuou: "Globo fica dando palco pra racista. Esse Rodrigo Branco nem deveria ter a audácia de pôr a cara na mídia de novo".

Muitos leitores podem até dizer que o racismo não é o lugar de fala desta colunista. Mas estarei sempre aqui para apoiar Majus, Thelmas, Marias, Joanas... Coisa que a Globo - como sendo a principal emissora do país - também deveria fazer... Ainda mais quando duas pessoas ofendidas fazem parte do seu quadro de funcionários.

Relembre o caso

Durante o papo entre Rodrigo Branco e a influencer Ju de Paulla, o empresário teve falas racistas em relação à Thelminha, do 'BBB', e também à jornalista e apresentadora do 'Jornal Hoje', Maju Coutinho. Rodrigo dizia torcer por Rafa Kalimann no 'Big Brother' e emendou o seguinte comentário: "torcer pela Thelma nem pensar! Torcer pela Thelma é racismo", deixando a influencer espantada com a frase. Rodrigo ainda continuou: "Todo mundo está votando nela porque ela é negra, coitada. Ela semana passada ganhou uma provinha e humilhou todo mundo".

Não satisfeito, Rodrigo usou Maju para comprovar sua fala racista. "Quer outro exemplo? É a mesma coisa que eu falo da Maju Coutinho: ela é péssima, ela é horrível, ela fala tudo errado, ela só está lá (no 'Jornal Hoje') por causa da cor. A carreira dela foi ser xingada 'todos por Maju', não sei o que por Maju... Ela não tem uma carreira, ela nunca foi repórter de campo, ela fala tudo errado e eu como diretor de TV maravilhoso, vou te falar, ela lê o TP (teleprompter) errado".

Maju começou sua carreira como repórter de rua na TV Cultura de São Paulo e também no SPTV, já na Rede Globo. Recentemente, Maju ganhou um processo contra dois homens que foram condenados a 5 e 6 anos de prisão por injúria e racismo.

Depois de toda repercussão negativa, Rodrigo gravou um pedido de desculpas: "Todo mundo que me segue sabe que eu falo o que eu penso. Já falei coisas que mudei de ideia. Primeiro queria pedir desculpas a Ju. Hoje eu gravei uma live com a Ju de Paulla e falei um monte de merda. Não falei nada como eu penso. Queria falar uma coisa e falei outra. Tive uma fala totalmente racista. A gente tem que assumir quando a gente fala merda. Recebi ligações de amigos e sei escutar. Graças a Deus tenho amigos". Vários famosos após o ocorrido vieram a público criticar a atitude do guia de famosos na Disney.

    Veja Também

      Mostrar mais