Tamanho do texto

Cineasta vencedor do Oscar produz "Histórias Assustadoras para Contar no Escuro", que chega aos cinemas no segundo semestre de 2019; leia mais

Guillermo de Toro, assim como Quentin Taratino e Tim Burton, é uma grife. O mexicano, porém, empresta seu prestígio com mais frequência do que esses colegas para que novos autores possam vingar no cinema de gênero.

Leia também: Intensidade de Joaquin Phoenix é maior destaque do 1º trailer de "Coringa"

Guillhermo del Toro
Divulgação
Guillermo del Toro tira foto com a equipe de "Histórias Assustadoras para Contar no Escuro"

Ele foi o primeiro a notar o talento do argentino Andy Muschietti, hoje badalado no comando da franquia de terror "It - A Coisa (2017 e 2019). Guillermo del Toro viu o curta "Mamá" (2012) e patrocinou o longa estrelado por Jessica Chastain e Nikolaj Coster-Waldau lançado em 2013. 

A série de "The Strain" (2014-2017) é outro bom produto da cultura pop que recebeu o selo del Toro de qualidade. Agora, o cineasta tutela o novo longa do norueguês André Ovredal ("A Autópsia"), "Histórias Assustadoras para Contar no Escuro"

Leia também: Realismo fantástico de Del Toro provoca encantamento em “A Forma da Água”

O filme, previsto para agosto nos EUA e para o segundo semestre no Brasil, é baseado no livro homônimo publicado em 1981 em que inquietantes lendas urbanas ganham destaque. O floclore americano em sua faceta mais sombria é a matéria -prima do livro, e do filme, cujo primeiro trailer legendado pode ser visto abaixo. 

Guillermo del Toro , vale lembrar, está envolvido com a refilmagem de "Convenção das Bruxas" e com o aguardado "Liga da Justiça Sombria". Os fãs do cinema de gênero só podem agradecer.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.