Tamanho do texto

Início das filmagens de “Duna”, ingressos da CCXP 2019 e música negra no Sesc são destaques da coluna Bastidores deste domingo (24)

Depois de fazer sucesso ao continuar o épico de Ridley Scott com “Blade Runner 2049”, Denis Villeneuve agora vai readaptar outra ficção científica para os cinemas. Dessa vez, ele irá dirigir “Duna”, que já ganhou uma adaptação de David Lynch em 1984.

Reprodução
"Duna" vai ganhar nova versão dirigida por Denis Villeneuve e com elenco estrelado

Com um elenco cheio de estrelas, Denis Villeneuve continua trilhando seu caminho na ficção científica, depois de se destacar no gênero com “A Chegada”, que lhe rendeu uma indicação ao Oscar de Melhor Diretor.

Leia também: Respeitoso com o original, "Blade Runner 2049" tem força e identidade próprias

Villeneuve tem trabalhando incansavelmente, emendando um filme no outro desde os anos 2000, e acumulou atores de prestígios ansioso por trabalhar em suas produções. Foi ele que mostrou um lado sombrio de Emily Blunt em “Sicario” e agora conta com grandes nomes que, no mínimo, vão gerar curiosidade para seu novo longa.

Confirmado no papel principal como o jovem herói Paul Atreides, que viaja ao perigoso planeta Duna para tentar salvar sua família está Timotheé Chalamet, que também desponta com um dos maiores nomes de Hollywood. Oscar Isaac, Rebecca Ferguson, Josh Brolin, Jason Momoa, Javier Bardem, Stellan Skarsgård, Dave Bautista, Zendaya, David Dastmalchian, Stephen Henderson e Charlotte Rampling completam o elenco.

" Duna " começou a ser gravado na última sexta-feira (22) e deve seguir pelos próximos meses filmando em Budapeste, Hungria e Jordânia, com lançamento programado para dezembro de 2020.

Leia também: Filme de assalto, "Operação Fronteira" aposta em tensão e alegorias políticas

Já?

CCXP 2018
Divulgação
CCXP 2018

Mal nos recuperamos da edição 2018 da CCXP, e a de 2019 já está no forno. A organização anunciou o início da venda do primeiro lote de ingressos para o evento, que este ano acontece entre 5 e 8 de dezembro. No dia 9 de abril, às 22h, serão liberados ingressos com valores entre R$ 90,00 (meia-entrada) e 180,00 (inteira), assim como no ano anterior.

A diferença fica por conta da meia-entrada social, ferramenta já usada no Lollapalooza, que agora ganhará uma adaptação para o evento geek. Quem levar um livro em bom estado para doação terá o valor diferente da meia-entrada, mas custando a partir de R$ 110,00.

Também no dia 9 é liberado o pacote Epic Experience que custará R$ 1.300,00, sem opção de meia-entrada. A credencial dá direito a participar do Spoiler Night, no dia 04 de dezembro, entrar uma hora mais cedo em todos os dias do evento e um voucher para ser trocado por uma foto ou autógrafo com um dos artistas convidados. Além disso, está incluso um kit especial com camiseta, pin, cordão e pôster oficial do evento, assim como descontos em algumas lojas.

Já o Full Experience, que garante os mesmos benefícios do Epic, além de entrada VIP, acesso ao VIP Lounge com alimentação e serviço de concierge, entrada exclusiva no Auditório Cinemark XD com lugar reservado, quatro colecionáveis exclusivos da Iron Studios e fotos e autógrafos com quatro artistas convidados custará R$ 8.000,00, também sem meia-entrada.

Música negra em destaque

Paula Lima, Drik Barbosa, Thaíde e Kamau se apresentam no Sesc Vila Mariana em março
Divulgação
Paula Lima, Drik Barbosa, Thaíde e Kamau se apresentam no Sesc Vila Mariana em março

No último fim de semana de março o Sesc Vila Mariana vai exibir o projeto “SP Território Black”. Com o objetivo de traçar o panorama da música negra, desde os bailes black da década de 1970 até o rap contemporâneo, a unidade programou palestras, bate-papos, batalha de DJs, entre outras atividades.

Entre 29 e 31 de março, quatro representantes de diferentes gerações e estilos musicais sobem ao palco do Teatro para repassarem uma trilha pensada para a ocasião. São eles Paula Lima, Drik Barbosa, Thaíde e Kamau. Além das músicas próprias, os artistas passarão por canções essenciais para a construção e entendimento da música negra, como Homem na Estrada , dos Racionais MC’s e Ela Partiu , parceria de Tim Maia e Beto Cajueiro. A direção dos shows é de Evandro Fióti.

Leia também: CCXP 2018 mostra que há espaço para convenção crescer e melhorar no futuro

Denis Villeneuve abrindo caminho na ficção científica

Com força no suspense e na ação, Denis Villeneuve se destaca agora na ficção científica
Divulgação
Com força no suspense e na ação, Denis Villeneuve se destaca agora na ficção científica

Embora tenha feito um elogiado trabalho em “2049”, contando com o apoio de Scott, é curioso ver Villeneuve seguindo o caminho dos reboots e continuações, quando seu trabalho original já é tão rico.

Mas a visão respeitosa porém e inovadora em cima do clássico de ficção científica de Ridley Scott mostra que ele está mais do que apto para a função. Falar sobre um futuro apocalíptico e seres de outros planetas também está no escopo do diretor que, no entanto, terá que encontrar um novo caminho para sua versão.

A versão original, protagonizada por Kyle MacLachlan tem o selo David Lynch de bizarro e visionário que permeia a carreira do diretor. Para colaborar no roteiro, Denis Villeneuve terá ainda Eric Roth que, entre tantos filmes, fez “O Informante”, “Forrest Gump” e mais recentemente “Nasce Uma Estrela”.