Tamanho do texto

As mudanças que “O Outro Lado do Paraíso” precisa fazer, protesto contra Silvio Santos e “Programa da Eliana” são destaques da coluna Bastidores

“O Outro Lado do Paraíso” ainda não conseguiu emplacar no horário nobre e os motivos são muitos: texto fraco, atuação que deixa a desejar, história polêmica , mas que não envolve o espectador. A personagem de Glória Pires , Beth, por exemplo, passa seu tempo vagando pela cidade bêbada, remoendo o que deu errado em sua vida. A ideia é que ela seja uma protagonista, mas seu núcleo ainda não se encaixou na história.

Leia também: Associação de Psiquiatria se revolta com cenas de "O Outro Lado do Paraíso"

Divulgação/TV Globo
"O Outro lado do Paraíso" sofre com baixa audiência e precisa resolver problemas na segunda fase

As maldades com a protagonista Clara ( Bianca Bin ) também estão se superando. Não bastasse o quanto ela apanha do marido, ela foi afastada do filho e internada em um hospital psiquiátrico, onde passará 10 anos, tempo esse que levará a novela para a segunda fase. E é justamente nessa etapa que o folhetim pode se redimir. Atualmente, “ O Outro lado do Paraíso ” está com audiências mais baixas até que “ Pega Pega ”, novela que não caiu no gosto de ninguém.

Leia também: Com começo morno, “O Outro Lado do Paraíso” aposta em segunda fase

O rumor nos bastidores é que essa segunda etapa vai ser adiantada, descartando cenas já escritas e gravadas. Mas, essa segunda etapa é aguardada justamente por que a primeira errou. Então, o que ela pode trazer que irá superar a trama atual?

Outras novelas, inclusive cujo tema principal era vingança, tiveram mais de uma etapa. A mais lembrada, claro, é “ Avenida Brasil ”. Mas “ Chocolate com Pimenta ”, do próprio Walcyr Carrasco , tinha uma história semelhante. A diferença é que ambas criaram personagens marcantes e que o espectador pôde simpatizar. Com exceção de Clara, que transmite dó e não simpatia, ninguém é relacionável. Lívia ( Grazi Massafera ) deveria ter conflitos mais aprofundados, considerando sua relação com o sexo e desejo de ser mãe, mas tudo é mostrado de maneira superficial.

Muitas polêmicas

Polêmicas demais sem serem desenvolvidas atrapalham a trama
Divulgação/TV Globo
Polêmicas demais sem serem desenvolvidas atrapalham a trama

Um dos chamarizes da novela era, justamente, debater diversos temas polêmicos. Porém, até agora não deu certo. Nanismo, racismo , corrupção, homossexualidade reprimida, são todos temas que ficaram em segundo plano. Assim, nem o público se relaciona e nem o autor se inspira em elaborar essas histórias. Para a segunda fase, algumas delas podem ser suprimidas ou resolvidas. O médico Samuel (Eriberto Leão), por exemplo, pode sair do armário o que, por si só, já oferece um leque de tramas possíveis. Mas, a relação dele com Suzy (Ellen Roche) é pouco crível e não acrescenta em nada à história.

Nádia (Eliane Giardini) não faz nada além de odiar a namorada negra do filho. Também poderia ser eliminada na próxima fase. No geral, a sensação é que “O Outro Lado do Paraíso” está cometendo os mesmos erros de “A Lei do Amor”, de  Maria Adelaide Amaral e Vincent Villar. Só que no caso da segunda, eles demoraram muito para fazer mudanças e acabaram por arrastar na base da “ barriga ” núcleos inteiros.

Para evitar isso, a segunda fase precisa reformular esses núcleos e selecionar os personagens centrais pelos quais a trama se desenvolverá em torno. Investir na sempre excelente Glória Pires e oferecer certa humanidade a Sophia (Marieta Severo) – e não ao abusador Gael (Sérgio Guizé) – já seria um bom começo.

Silvio Santos na reta

Silvio Santos
Divulgação
Silvio Santos

No último final de semana um vídeo de Fernanda Montenegro falando sobre resistência no teatro Oficina, em São Paulo, chamou a atenção na internet. Essa semana, o teatro será palco de uma nova manifestação, dessa vez ainda maior, e com o objetivo de alcançar Silvio Santos. Isso porque o dono do SBT planeja a construção de um shopping ao redor do Teatro, que é dirigido por Zé Celso. Para evitar a construção e manter a integridade do estabelecimento, o diretor planeja reunir a classe artística em um protesto no próximo domingo (26).

Leia também: Dez vezes que Silvio Santos surpreendeu os brasileiros

Mais um Jonas no Brasil

Joe Jonas esteve no Brasil nos últimos dias com sua banda DNCE, que abriu os shows do Bruno Mars no país. Em dezembro, será a vez de seu irmão mais novo chegar por aqui. Nick Jonas foi confirmado na CCXP para falar sobre o lançamento de seu novo filme, “Jumanji: Bem-Vindo À Selva”, que estreia no Brasil no dia 4 de janeiro. Ele estará no painel da Sony Pictures, que acontece no sábado, dia 9 de dezembro, às 16h.

Celebração

Eliana é homenageada por seu aniversário durante o
Gabriel Cardoso/SBT
Eliana é homenageada por seu aniversário durante o "Programa da Eliana"

O episódio deste domingo (26) do “ Programa da Eliana ” promete fortes emoções. A produção vai aproveitar a data para celebrar o aniversário da apresentadora. Ela ganhará uma emocionante homenagem da filha Manuela, do filho Arthur. O cantor Sam Alves também participará do momento.

Leia também: “ O Outro lado do Paraíso ” vai superar “A Força do Querer”?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas