Jô Soares
Reprodução/Twitter
Jô Soares

O corpo de Jô Soares, que morreu na madrugada desta sexta-feira (5), aos 84 anos, está sendo velado nesta tarde, em São Paulo. O caixão do artista deixou o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, no fim da manhã e chegou ao local da cerimônia por volta das 13h.

A cerimônia está sendo restrita para amigos e familiares, que prestam diversas homenagens ao artista no local. Tiago Leifert, Serginho Groisman, Juca de Oliveira, João Carlos Martins e Zélia Duncan estiveram no velório. Silvio Santos e Galvão Bueno mandaram coroas de flores para o local.


Jô estava internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde 28 de julho deste ano para tratar de uma pneumonia. Ex-esposa do artista, Flavia Pedra Soares disse que ele estava "cercado de amor e cuidados". A causa da morte de Jô não será divulgada oficialmente pela família a peiddo do próprio apresentador.

Nascido José Eugênio Soares, Jô nasceu em 16 de janeiro de 1938, no Rio de Janeiro. Ele trabalhou nas emissoras Continental, TV Rio, Tupi, Excelsior, Record, SBT e na Globo. Depois dos programas voltados ao humor, o artista iniciou sua carreira como apresentador no SBT, com o programa “Jô Soares Onze e Meia”, que foi ao ar entre 1988 e 1999. Logo em seguida, em 2000, foi ao ar, na TV Globo, o talk-show mais famoso do país: o “Programa do Jô”, que ficou no ar por 16 anos.


Ao longo da sexta-feira (5), Jô Soares foi homenageado em todo o país. Globo e SBT mudaram as respecitivas programações para relembrar grandes momentos do apresentador. Artistas como Ana Maria Braga, Claudia Raia, Xuxa, Thiaguinho, Daniela Mercury, Tatá Werneck, Anitta e Porchat se despediram de Jô com homenagens nas redes sociais.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários