Mariana Rios durante o ‘PocCast’
Reprodução/YouTube - 28.07.2022
Mariana Rios durante o ‘PocCast’


Mariana Rios reforçou a opinião em meio à polêmica envolvendo Caio Castro, que criticou a obrigação dos homens em pagar a conta nos primeiros encontros. A apresentadora do "Ilha Record 2" discordou sobre o posicionamento do ator, afirmando que é "cavalheirismo" a atitude ocorrer em um primeiro jantar romântico. 

+ Entre no  canal do iG Gente no Telegram e fique por dentro de todas as notícias sobre celebridades, reality shows e muito mais!

A declaração aconteceu durante entrevista ao "PocCast", que foi ao ar nesta quarta-feira (27). Questionada por Rafa Uccman e Lucas Guedez sobre o que um homem não pode fazer no primeiro encontro, Mariana foi enfática e defendeu que eles precisam pagar a conta na ocasião. 


Rios ainda se justificou acrescentando que o ato não significa que o homem irá bancar a mulher no futuro. "O 'boy' tem que pagar a conta no primeiro encontro. Isso é cavalheirismo, é ser um 'gentleman'. Isso não quer dizer que ele vai me bancar, que ele vai me sustentar, que dependo dele, que estou usufruindo o que é dele. Não, isso é uma coisa do homem para a mulher. Acho bacana", pontuou. 

+ Siga também o perfil geral do Portal iG no Telegram !

"No próximo, eu pago. Depois, ele paga, a gente divide... Mas no primeiro encontro, o homem tem que pagar", complementou a apresentadora. Vale destacar que Mariana Rios não é a primeira a questionar o pronunciamento de Caio Castro, já que a fala do ator dividiu opiniões nas redes sociais. 


A advogada Deolane Bezerra, por exemplo, também alfinetou Caio em uma publicação feita no Twitter. "Se está ruim 'para mim', imagina para quem pensa que pagar um jantar é sustentar uma mulher. Ajuda né", escreveu a viúva de MC Kevin.

A polêmica começou quando Castro afirmou, em entrevista ao podcast "Sua Brother", que a atitude não deve ser cobrada e nem vista como um dever. "Qual a diferença entre pagar a conta e ter que pagar a conta? Me incomoda muito essa sensação de ter que sustentar, ter que pagar... Eu não tenho que fazer p**** nenhuma", pontuou. 

"Faço questão de te chamar para jantar, vou ao banheiro, já pago a conta... Não chega nem conta, já está resolvido... Agora pediu a conta e não se mexeu e não perguntou nunca, como se eu tivesse esse papel? Você não é minha filha", complementou o ator. 

+ Assista ao "AUÊ", o programa de entretenimento do iG Gente:


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários