Irmão de Gustavo acredita em virada do irmão com
Arquivo Pessoal/Enviado ao iG Gente
Irmão de Gustavo acredita em virada do irmão com "espírito família"


Sem encontrar  Gustavo Marsengo há cinco meses, o irmão Lukinhas chorou ao assistir a entrada do curitibano, de 31 anos, na “Casa de Vidro” do “BBB 22”, nesta sexta-feira (11). Em conversa exclusiva com o iG Gente, o irmão do “quase BBB” garante que não soube do processo da participação dele no reality e estranhou o vídeo de apresentação do “hétero top”.

Lukinhas, que tem 22 anos e atua como líbero da equipe de vôlei do Goiás, garante que Gustavo é hétero, mas não tem o rótulo de “top”, usado para ironizar um estereótipo de homens heterosexuais com esitilo de vida padronizado. A declaração do aspirante a novo "BBB" repercutiu negativamente na web, que o "cancelou" nas últimas 24 horas.

"O Gustavo não é hétero top. Sou muito suspeito por ser o irmão caçula, mas a relação que a gente tem em família passa longe disso. Desde criança convivi muito com ele. Comecei a jogar vôlei por causa dele. O Gustavo é muito família, gosta de estar com os amigos. Ele tem gênio forte, discute pelas idéias, mas de uma maneira saudável. Ele sempre protegeu muito a gente", conta o familiar do integrante da “Casa de Vidro”.

O irmão confessa que não entendeu a utilização da expressão no vídeo de apresentação e aposta que Gustavo vai entregar mais entretenimento do que foi mostrado. "Eu acho que a ideia dele foi ser meio polêmico mesmo, tanto que o pessoal fala que a edição está monótona. A ideia dele é dar uma fervida e ele tem um perfil de não fazer média. Se tiver que discutir, vai discutir. Mas eu não esperava que fosse fazer a apresentação que ele fez. Quando a galera conhecer ele, vai mudar bastante a opinião", analisa.


Caso a entrada de Gustavo no “BBB 22” seja confirmada no domingo (13), o irmão caçula consegue apostar em alianças e até mesmo em um affair. Pelo que conhece do advogado, Lukinhas acredita que pode rolar um match com Jade Picon.

"Eu acho que a Jade pode atrair ele. Ele gosta muito de baixinhas. Mas não sei se os gênios também bateriam. Se eu tivesse que chutar algum interesse, seria a Jade”, arrisca. Já para as amizades, o grupo da “Disney” parece ter mais afinidade com as escolhas de Gustavo. "Consigo imaginar ele mais para o lado do Pedro Scooby e do Tiago Abravanel”.

Leia Também

Leia Também

Família de Gustavo tem grupo no WhatsApp para votação
Arquivo Pessoal/Enviado ao iG Gente

Família de Gustavo tem grupo no WhatsApp para votação


Pego de surpresa com o confinamento do irmão, Lukinhas garante que não deu tempo de preparar nada para os dias decisivos de votação. O atleta, que está morando em Goiânia e disputa a Superliga com o Goiás, assume que não sabia do confinamento e acompanha as informações em um grupo da família (que mora em Curitiba) no WhatsApp.

"Eu não sabia que ele ia entrar, inclusive já deixo avisado que vou dar uma bronca quando sair. A gente vai quebrar o pau, pois não contar ao irmão é sacanagem. Minha mãe me contou no sábado, pois era para manter sigilo. Quis que eu soubesse por ela, mas desconfiei por causa das páginas de fofoca. De sábado até quarta fiquei escondendo de todo mundo, principalmente dos amigos. Comecei a receber mensagens de pessoas que nem conhecia. Eu não sabia que ele tinha feito a inscrição", explica Lukinhas, que conta como as redes sociais estão sendo gerenciadas.

"A gente não se preparou muito, eu fiquei sabendo em cima da hora. Minha mãe começou mexendo nas redes dele no começo e, depois, passou para os amigos dele. A gente dá uns pitacos de fora, no grupo da família que está ligado no 220", completa.

Irmão de Gustavo disputa Superliga pelo Goiás
Reprodução/Instagram
Irmão de Gustavo disputa Superliga pelo Goiás


A votação para saber se Gustavo Marsengo e Larissa Tomasia, integrantes da “Casa de Vidro”, entram oficialmente no jogo será aberta nesta sexta-feira (11), após anúncio de Tadeu Schmidt. A dinâmica é simples: ou entram os dois ou eles se despedem do sonho no domingo (13). Lukinhas  acredita que o jeito explosivo do irmão pode ser o tempero que falta para a edição deixar de ser “flopada”, como os internautas estão chamando.

"Eu acho que o gênio forte e brigar pelo que acredita vai agradar e colocar fogo no parquinho. Ele também é muito carinhoso. Se ele se apegar, vai brigar até o final por essa pessoa", finaliza.

** Kadu Brandão é jornalista pela UFBA, pós-graduando em MKT e Redes Sociais, soteropolitano e cheio de axé. É especialista em reality show e Carnaval. Tem passagem por CBN, Globo Esporte, iBahia e Bahia FM, além de contar com atuação em assessorias. Tem colaborações para UOL e CBF, e apresenta o “Podmiga”, podcast de reality show. No iG, escreve para o iG Gente.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários