Carla Daniel e namorado, Sérgio Stamile
Reprodução
Carla Daniel e namorado, Sérgio Stamile


Um dos suspeitos de matar o publicitário  Sérgio José Coutinho Stamile continua foragido, seis meses após o crime. Segundo as investigações da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC), Flavio Lima de Mello teria dado um mata-leão na vítima, conhecida como Pirata do Arpoador e namorado da atriz, cantora e produtora Carla Daniel .

Outra pessoa envolvida no crime permanece presa preventivamente: Pablo Francisco da Silva , que teria discutido com Sérgio e ido embora do Parque Garota de Ipanema, no Arpoador, com seus pertences. O inquérito da DHC aponta que o publicitário entrou na área por volta de 1h34m do dia 10 de agosto de 2021. A discussão com Pablo e Flavio teria acontecido sete minutos depois.


Leia Também

Os dois, moradores de rua que costumam dormir na região, teriam feito uma brincadeira com Sérgio, que não gostou da provocação e respondeu de forma ríspida. Ele entrou em uma gruta e logo depois foi acompanhado por eles, onde Flavio teria o matado. O corpo do namorado de Carla Daniel foi encontrado no início da manhã por policiais militares.

Uma câmera de monitoramento instalada no Posto 7 auxiliou na identificação dos suspeitos. Pablo, que já havia sido preso pelo crime de roubo, foi capturado na Avenida Francisco Bhering. Já Flavio, ainda não foi localizado pelos agentes, seis meses após o crime.

Na época, agentes do Grupo de Local de Crime (Gelc) da DHC realizaram uma perícia no cadáver ainda no Arpoador. O corpo apresentava lesões como se tivesse sido arrastado, perto de uma pedra com altura aproximada de três metros. A região é um ponto de consumo de drogas e de prostituição, sobretudo durante as madrugadas. Levado ao Instituto Médico-Legal (IML), ele foi identificado através de perícia papiloscópica.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários