Fiorella revela pressão do mercado para colocar silicone
Reprodução/Instagram
Fiorella revela pressão do mercado para colocar silicone


Fiorella Mattheis, modelo e atriz, relembrou que sofreu pressão estética no início da carreira, aos 17 anos, e colocou próteses de silicone mamárias após uma agência relacionar o número do sutiã da modelo com a possibilidade de conseguir mais trabalhos.

Em um relato pessoal para a Vogue Brasil, Fiorella disse que a carreira mudou meses após a realização da cirurgia. " Fiz a cirurgia em abril, fui morar em Milão em maio e em junho eu voltei ao Brasil para uma grande campanha de lingerie substituindo ninguém menos que Gisele Bündchen. A partir dali uma nova porta se abriu apenas porque passei a ter seios maiores", iniciou.

Hoje, aos 33 anos, Fiorella garantiu que não tinha problemas com o tamanho dos seios e só colocou a prótese devido à pressão do mercado em uma adolescente. "Sei que meu corpo ainda estava se desenvolvendo – menstruei pela primeira vez aos 15 anos – e não tinha uma silhueta formada. Aquela referência que estavam projetando em mim aconteceu por conta do mercado, da moda de 2005, das referências da época. Me fizeram passar pelo procedimento sem a menor necessidade, pautada por uma decisão inconsciente de uma adolescente.  Era completamente feliz com o corpo que eu tinha. Coloquei a prótese de silicone apenas porque o mercado de trabalho pedia esse tipo de silhueta", explicou para a Vogue Brasil.

Leia Também


A atriz contou que, 15 dias antes do início da pandemia do coronavírus, ela sofreu uma displasia, que levou a uma contratura capsular em volta da prótese de silicone. "Precisei me medicar com injeções de cortisona até que minha dor acabasse. Quando a possibilidade de uma cirurgia surgiu, decidi durante as consultas que meu desejo era apenas extrair a prótese e não colocar outra no lugar", assumiu.

No entanto, Fiorella avisou que não incentiva o explante de silicone das mamas, procedimento que tem recuperação difícil. "Acho importante ressaltar que não quero incentivar esse procedimento. O explante de silicone não pode ser um produto. A necessidade de passar por esse procedimento deve ser relacionada à saúde e indicada por um médico. Não passe por nenhum tipo de procedimento, principalmente estético, porque o mundo está dizendo: ‘faça’", completou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários