Príncipe Harry nega que esteja guardando lançamento de livro para o pós morte da Rainha Elizabeth II
MATTEL/Handout via REUTERS
Príncipe Harry nega que esteja guardando lançamento de livro para o pós morte da Rainha Elizabeth II

Após publicação do Daily Mail, nesta sexta-feira (23), dizendo que o Príncipe Harry teria fechado um contrato para quatro livros contando suas memórias e que o último seria lançado apenas após a morte da Rainha Elizabeth II, o ex-membro da família real britânica negou os relatos.

Um porta-voz do Duque de Sussex disse ao jornal inglês  The Independent que os relatos são falsos e que há apenas um livro de memórias em produção, e que será publicado pela editora Penguin Random House, ao final de 2022.

Em um comunicado, divulgado no inicio desta semana, a Penguin Random House disse que o livro do Principe Harry forneceria relatos definitivos das “experiencias, aventuras, perdas e lições de vida que ajudaram a moldá-lo”. Os termos financeiros não foram divulgados, mas a editora afirmou que Harry doaria a parte dele nos lucros para instituições de caridade.

Já Harry conta que escreveu as memorias em colaboração com um ghostwriter, e que falará não como o príncipe que nasceu, mas como o homem que se tornou. E acrescentou “Tenho usado muitos chapéus ao longo dos anos, literal e figurativamente, a minha esperança é que, ao contar minha história – os altos e baixos, os erros e as lições aprendidas – eu consiga mostrar que não importa de onde viemos, temos muito mais em comum do que acreditamos”.

Harry, que deixou os deveres da família real em 2020, vive com sua esposa Meghan Markle e seus dois filhos na Califórnia, nos Estados Unidos .


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários