Dani Calabresa de manifesta a favor das vítimas de Marcius Melhem
Reprodução
Dani Calabresa de manifesta a favor das vítimas de Marcius Melhem


Na última sexta-feira, 26,  Dani Calabresa concedeu uma entrevista ao jornal O Globo, e falou sobre as denúncias de assédio sexual contra Marcius Melhem e disse que o assunto ainda é “doloroso e íntimo”. 

"O que posso falar desse assunto, que é muito dolorido e íntimo, é que quis tomar as medidas cabíveis. Fui no compliance da empresa, falei e esperei eles tomarem a decisão que tomaram. O que posso falar é que fui na ouvidoria do Ministério Público. Então, agora, está em segredo de Justiça", diz.


Você viu?

A humorista completa dizendo como está indo a vida após os acontecimentos. Ela afirma que está processando tudo e cicatrizando a ferida. 

"Cada um tem um processo, um tempo de entendimento e de cicatrização. Tem gente que supera a dor em dois meses. Outros levam cinco anos", explica. 

A atriz também fala sobre a cultura de cancelamento, dizendo que “só magoa e dispara ódio”. Ela completa falando que os humoristas não conseguem acertar 100% do tempo, mas que às vezes, as pessoas se ofendem com algo que não era ofensivo. 

"Não acho que assim a gente ensina, dialoga ou reflete. Só magoa e dispara ódio. O cancelamento é a coisa mais horrorosa, inútil e odiosa que a gente pode fazer na internet", explica. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários