Juliana Caldas
Reprodução
Juliana Caldas

Juliana Caldas, conhecida por seu trabalho em "O Outro Lado do Paraíso" , criticou a maneira como o mercado da moda infantiliza as mulheres com nanismo.

"Nunca houve uma propaganda de uma mulher com nanismo usando uma lingerie. A gente usa sutiã, sutiã com bojo, fio dental, tudo. Temos corpos de mulheres: peito, bunda, e muita bunda", disse ela, à coluna de Patrícia Kogut.

Em combate à infantilização, Juliana Caldas criou uma palestra, com a qual pretende viajar o país após a pandemia. "Conto os desafios da minha vida, como foi crescer na família que cresci, como enfrentei este mundo cruel. Tive a sorte de ter pessoas do meu lado que me incentivaram a nunca desistir". 

"É importante empoderar não só os deficientes, mas também pessoas que estão desencorajadas por algum motivo. Antes, eu já estava 'de boa' em relação a isso. A gente precisa de uma vacina. O que me deixa para baixo de vez em quando é não poder ir encontrar os amigos", completou ela.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários