Maradona e os irmãos Gallagher
Reprodução/Instagram
Maradona e os irmãos Gallagher

Diego Maradona, morto nesta quarta-feira (25) por uma parada cardiorrespiratória , foi uma dos maiores astros de futebol de todos os tempos. Além do sucesso nos gramados, o jogador também viveu histórias interessantes na vida pessoal, como quando ameaçou matar os irmãos Gallagher após encontrá-los em um bar na Argentina.

Em uma entrevista para a Noisey, Liam contou que estava em turnê com o Oasis e foi curtir uma noite de folga em um bar. Ele estava com Noel quando avistou uma multidão entrando no estabelecimento. Depois de um tempo, os irmãos perceberam que era ninguém menos do que Maradona acompanhado por amigos e "mulheres da noite".

Fãs de futebol, Liam e Noel perguntaram ao intérprete se poderiam conhecer Maradona, já que o jogador estava em uma parte reservada do bar. O tradutor conversou com a equipe do atleta e conseguiu que os irmãos Gallagher fossem falar com o argentino.

Liam disse que tinham várias coisas acontecendo na sala ao mesmo tempo. Ele viu Maradona no meio de todos fazendo embaixadinhas com uma tampa de garrafa. "Os olhos dele estavam gigantes e os nossos não estavam muito diferentes. Eu só fiquei tipo: 'Está um pouco estranho aqui, vamos tirar uma foto rápida com ele e dar o fora’. E ele está suando pelas bolas, e nós viramos [para o intérprete] e ele diz: ‘Ele me disse para dizer a vocês, se vocês saírem com alguma dessas put*s, ele vai atirar em vocês'", o músico relembra.

Você viu?

Morte de Maradona

O anúncio da morte de Maradona foi feito pelo argentino "Clarín". O astro do futebol, que marcou época defendendo a seleção do seu país e o Boca Juniors, não teria resistido uma parada cardiorrespiratória.

Maradona passou mal pela manhã. Seis ambulâncias foram chamadas para atender o ex-jogador, mas os médicos não conseguiram salvá-lo.

Maradona havia deixado o hospital há duas semanas após ser internado para tratar uma hematoma no cérebro. Depois disso o ex-camisa 10 da Argentina foi levado para casa, na cidade de Tigre, região metropolitana de Buenos Aires, para terminar a recuperação. A recomendação médica é que Maradona cuidasse principalmente da dependência química de remédios e de álcool.

Com uma carreira rodeada de polêmicas e o vício em drogas, também atuou como técnico da Seleção Argentina entre 2008 e 2010. Também ocupou o cargo de vice-presidente da Comissão de Futebol do Boca Juniors e foi comentarista esportivo e apresentador de televisão.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários