Ney Matogrosso revelou alguns detalhes sobre a íntima. O cantor participou de uma live com o pesquisador e produtor musical Rodrigo Faour e contou como ele levava a vida fora dos palcos. O artista disse que, na época da banda "Secos & Molhados", ele chegou a experimentar de tudo. 

Ney Matogrosso
Reprodução/Instagram
Ney Matogrosso dá detalhes da vida íntima

"Eu viajava com minha namorada e o meu namorado ao mesmo tempo. Ninguém nunca falou sobre isso, ninguém me perguntava. Eu também não dizia porque competia só a mim. Sou uma pessoa discreta. Nunca senti necessidade dessa exposição", Ney revela. 

O cantor também comentou que só teve um vício na vida, em ter relações sexuais. "Não conseguia dormir sem transar antes. Era viciado em sexo. Quando cheguei ao Rio nos anos 70, era tudo liberado. Aí juntou a fome com a vontade de comer. Mas foi passando com a idade", ele comenta. 

Ney Matogrosso também relembrou do momento quando ele decidiu levar um pouco da ousadia, tão presente na vida pessoal dele, para os palcos. Isso aconteceu na época do disco "Bandido", em 1976, quando ele sentiu que precisava se abrir mais para o público. "Fiz o show mais ousado da minha carreira. Fazia um strip-tease e trocava até de tapa-sexo no palco. Comecei a gostar dessa provocação e o público passou a esperar isso de mim", o artista ainda comenta que nessa época ele passou a ser desejado pelos fãs, tanto homens quanto mulheres.

    Veja Também

      Mostrar mais