A influenciadora digital Lara Vicente Inácio resolveu expor nas redes sociais o caso de homofobia que sofreu. Ela teve a casa invadida e apanhou do próprio pai, na cidade Governador Celso Ramos, em Santa Catarina. O motivo da agressão seria que a maquiadora é lésbica e tem uma namorada. Ela compartilhou um vídeo, na última segunda-feira (11), em que aparece chorando e machucada e recebeu apoio de Maisa, MC Rebecca e outras celebridades.

Leia também: Andressa Urach dá detalhes da época em que se prostituía: "Tenho nojo"

Lara Vicente Inácio
Reprodução/Twitter
Lara Vicente Inácio foi agredida pelo pai por ser lésbica


Leia também: Vídeos de youtuber vão parar em site pornô, mas logo são excluídos

“O dia foi longo... tivemos a nossa casa invadida, eu estava sozinha e apanhei igual cachorro, em cima da minha própria cama e depois na rua deitada! Mas homofobia não existe, né?”, ironizou a influencer no Twitter. “Estou em choque”, acrescentou. A apresentadora Maisa Silva foi uma das primeiras a se manifestar e a compartilhar a #JustiçaporLaraInacio.

“Homofobia é CRIME. E sim, ainda temos que repetir que HOMOFOBIA É CRIME. Que ódio viver num mundo aonde as pessoas não podem amar sem temer. Não me conformo”, escreveu a estrela teen do SBT no Twitter. A cantora e jurada do "RuPaul’s Drag Race", Michelle Visage , também se posicionou: “Oh não, isso é de partir o coração. Ela está segura?? Nesta época de quarentena, esse problema piorou”.  

Leia também: Jornalista troca Globo por Record e não é bem recebido pela equipe: "Homofobia"

As cantoras MC Rebecca e Lia Clark também demonstraram sua indignação e, mesmo assustada, Lara se sentiu melhor com todo esse apoio: “Eu não tenho palavras pra agradecer, eu me sinto bem, me sinto protegida e abraçada, obrigada a todo mundo”. Confira a repercussão:







    Veja Também

      Mostrar mais