A influenciadora digital Gabriela Pugliesi fez uma festa em sua casa durante a quarentena , recomendada devido a pandemia do novo coronavírus , e o que era para ser divertido acabou se tornando um grande problema. Muito criticada, inclusive por famosos, a influencer perdeu seguidores , patrocinadores e tentou se retratar em um vídeo de desculpas.

Gabriela Pugliesi
Reprodução/Instagram
Gabriela Pugliesi está perdendo muitos seguidores após festa polêmica


Antes da polêmica, Gabriela Pugliesi possuía 4,5 milhões de seguidores, agora ela está com 4,4 milhões e esse número segue diminuindo – algo preocupante para uma influenciadora digital. Além de perder mais de 100 mil seguidores, diversas marcas que patrocinavam a influencer resolveram se posicionar.

A marca de lingerie Hope declarou que não apoia atitudes que violam o distanciamento social recomentado pela Organização Mundial de Saúde (OMS): “Estamos suspendendo as atividades de qualquer parceiro que não adote tais medidas”.

Leia também: Jornalista troca Globo por Record e não é bem recebido pela equipe: "Homofobia"

A Liv Up, que produz alimentos saudáveis, escreveu o seguinte nas redes sociais: “Não incentivamos atitudes que possam colocar a saúde de qualquer pessoa em risco, assim, estamos suspendendo todas as ações que tínhamos programadas com a influenciadora e adiantamos que esse é nosso posicionamento em qualquer outra situação similar”.

Quem também suspendeu a parceria com a influenciadora digital foi a marca de snacks Mais Pura: “Ressaltamos que não concordamos de forma alguma com o que houve e deixamos claro que sempre seguimos todas as recomendações da OMS no combate à Covid-19”.

A marca de chocolates Kopenhagen também foi contra a atitude de Gabriela Pugliesi e disse que não tem intenção de renovar o contrato que foi encerrado com a influencer em março, segundo o F5 . A Fazenda Futuro, que produz carnes de planta, também se pronunciou declarando que apoiam o que foi determinado pela OMS. A Desinchá também rompeu com a parceria com a influencer fitness.

Leia também: Gabriela Pugliesi fala sobre vida sexual com marido: "Todo dia não"

Fora a perda de patrocínio,  Gabriela Pugliesi  foi criticada por famosos como Tatá Werneck, que disse que vai começar a expor quem quebrar a quarentena. Vale ressaltar que influenciadora foi uma das primeiras celebridades brasileiras a ser diagnosticada com a Covid-19 e, após o susto, conseguiu se recuperar.

    Veja Também

      Mostrar mais