Princípe Harry foi alvo de uma pegainha e acabou falando mais do que devia. O ex-monarca caiu na história dos famosos youtubers russos Vladimir Kuznetsov and Alexey Stolyarov que o fizeram acreditar que estava em uma conversa por telefone com a ativista ambiental Greta Thunberg e o pai dela. No papo, o pai de Archie falou sobre o afastamento da realeza e criticou Donal Trump. 

Leia também: Príncipe Harry lamenta perda dos títulos: "Esperava ainda servir à Rainha 

Príncipe Harry arrow-options
Reprodução/Instagram
Príncipe Harry cai em pegadinha e fala mal do presidente Donald Trump


Os russos conversaram com Príncipe Harry duas vezes e apoveitaram que o irmão de William achou que estava em uma conversa com a famosa ativista para fazer ele se abrir. Entre os assuntos abordados, o marido de Meghan Markle falou sobre a polêmica decisão de sair da família real e disse que fez isso para proteger o filho. 

Leia também: 'Se alguém precisar de dublagem, estamos disponíveis', diz príncipe Harry

Harry diz que acredita ter tomada a decisão certa, por mais que não tenha sido um caminho fácil. Ele contou aos russos que a vida no Canadá está bem melhor do que era no Reino Unido e ainda revelou estar completamente afastado da maior parte da família dele. 

"A decisão certamente não foi fáil, mas foi a decisão certa para a nossa família, a decisão certa para poder proteger meu filho. Eu acredito que há muitas pessoas ao redor do mundo que se identificam conosco e nos respeitam por ter colocado nossa família em primeiro lugar", explica o marido de Meghan Markle .

Ver essa foto no Instagram

This afternoon, The Duke and Duchess of Sussex attended the annual Commonwealth Service at Westminster Abbey on Commonwealth Day, alongside Her Majesty The Queen and Members of The Royal Family. The Commonwealth is a global network of 54 countries, working in collaboration towards shared economic, environmental, social and democratic goals, and the Service today seeks to highlight the vast community which spans every geographical region, religion and culture, embracing diversity amongst its population of 2.4 billion people, of which 60 percent are under 30 years old. As President and Vice-President of the @Queens_Commonwealth_Trust, The Duke and Duchess of Sussex have been passionate advocates of the Commonwealth having spent many years working closely with the next generation of Commonwealth leaders. The theme of the Commonwealth for 2020 is ‘Delivering A Common Future: Connecting, Innovating, Transforming', placing emphasis on youth, the environment, trade, governance, and ICT (Information and Communications Technology) and innovation. From working to protect the earth's natural resources and preserving the planet for generations to come, to championing fair trade and empowering the youth of today to transform the communities of tomorrow, the Service celebrates the Commonwealth's continued commitment to delivering a peaceful, prosperous and more sustainable future for all. Photo © PA

Uma publicação compartilhada por The Duke and Duchess of Sussex (@sussexroyal) em

 Além do "Megxit", como ficou conhecido o afastamento de Harry e Meghan da realeza, outra polêmica também rondou a coroa britânica recentemente. Tornou-se pública a amizade de Príncipe Andrew com um pedófilo. Sobre isso, Harry preferiu não comentar nada e disse que não é um assunto que envole ele e a esposa. 

Política

Ainda durante a conversa com a falsa "Greta", Harry fez fortes críticas ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump . Ele e a suposta ativista falaram sobre os lideres globais e as mudanças necessárias para salvar o planeta. 

No meio do papo, o ruivo disse que Trump não discutiria o aquecimento global com Greta, pois ela o faria se sentir burro. O pai de Archie ainda criticou o fato do presidente estadunidense estar incentivando a indústria do carvão e disse: "Ele tem sangue nas mãos". 

Leia também: Príncipe Harry e Meghan Markle são rejeitados por restaurante no Canadá

Sobre o primeiro ministro britânico, Boris Johnson , Príncipe Harry foi mais amigável. Ele disse que o líder do Reino Unido é "um bom homem" e que Greta fazer ele acreditar nela. Porem, explicou para a jovem que Boris está na política há muito tempo e tem um jeito específico de agir. 

    Leia tudo sobre: Donald Trump

    Veja Também

      Mostrar mais