O jornalista Matheus Ribeiro denunciou o radialista Luiz Gama ao Ministério Público Federal por usar suas redes sociais para insinuar que o apresentador da TV Anhanguera, afiliada da Globo em em Goiás, teria conseguido uma vaga no Jornal Nacional por ser homossexual.

Leia também: Homem move ação "vergonhosa" contra a Globo e perde; entenda

Matheus Ribeiro arrow-options
Reprodução/Instagram
Matheus Ribeiro


"Fiz o que cada um de nós deve fazer diante de manifestações que incitam o ódio e a violência. Depois do avanço que foi a equiparação da homofobia ao racismo, não podemos ser omissos na hora de exigir do Estado a punição contra esses excessos. Como jornalista, sou um defensor radical da liberdade de expressão, mas também me sinto obrigado a lutar contra qualquer tipo de discriminação", disse o jornalista da Globo ao Notícias da TV .

Leia também: Após Marquezine, atores da Globo temem novas demissões

Matheus Ribeiro ficou conhecido nacionalmente pela sua estreia no Jornal Nacional no dia 9 de novembro do ano passado, devido ao aniversário de 50 anos do telejornal.

Leia também: Funcionários da Globo planejam protesto contra demissões em massa

Quatro dias depois, o acusado Luiz Gama usou as redes sociais para atacar o jornalista da afiliada da Globo em Goiás. "Putz! Onde o Brasil vai parar? Um apresentador de telejornal de qualidade média virou a bola da vez no jornalismo nacional só porque revelou que sua rosquinha está à disposição. A qualidade profissional que se f...", escreveu o radialista.

    Veja Também

      Mostrar mais