Tamanho do texto

Rodrigo Alvarez deve se dedicar ao ofício de escritor; O jornalista entrou no grupo Globo em 1996 como editor de imagem no canal GloboNews

Rodrigo Alvarez, que atuava como correspondente da Globo na Europa, pediu demissão da emissora após 23 anos de serviços prestados. A informação foi divulgada pelo Notícias da TV .

Leia também: Cortes na Globo afetam programa do Faustão; saiba detalhes

Rodrigo Alvarez arrow-options
Reprodução Instagram
Rodrigo Alvarez

Em sua conta do Instagram, o jornalista da Globo publicou uma despedida da Europa. "Tempos incríveis, quem me dera viver duas vezes". No feed de comentários, Tadeu Schmidt, apresentador do "Fantástico", desejou sucesso ao colega: "Marcou tempos com excelência".

Leia também: Após demissões, Globo reduzirá salários milionários de famosos

Em comunicado, o diretor-geral de jornalismo, Ali Kamel, afirmou que o profissional já não se sentia satisfeito no papel de correspondente. "Não que ele [Alvarez] estivesse cansado do maravilhoso trabalho de ser os olhos e ouvidos dos brasileiros no mundo. O entusiasmo era o mesmo. Mas entusiasmo pelo que a gente rótula de grandes matérias ou matérias especiais. O dia a dia, como correspondente, não lhe dava mais o mesmo prazer que antes." 

Leia também: Fernando Rocha desabafa após demissão da Globo: "Um pouco sem rumo"

Kamel também sinalizou no texto que Rodrigo Alvarez  deve se dedicar ao ofício de escritor. O jornalista entrou na Globo em 1996 como editor de imagem na GloboNews . Além da Europa, ele foi correspondente no Oriente Médio e em Nova York.

Ver essa foto no Instagram

Despedida da Europa. Tempos incríveis! Quem me dera viver duas vezes.

Uma publicação compartilhada por Rodrigo N. Alvarez (@rodrigo.n.alvarez) em



    Leia tudo sobre: Instagram