Tamanho do texto

Ex-apresentador "Bem Estar" revelou que ficou bastante abalado com a demissão, mas que entende o processo de reestruturação que a emissora passa

Ex-apresentador do "Bem Estar", da Globo , Fernando Rocha comentou sobre sua demissão da emissora. O jornalista trabalhou por 30 anos na empresa e foi demitido em junho deste ano. Em entrevista para a rádio Jovem Pan, ele conversou sobre o assunto.

Leia também: Fernando Rocha fala sobre demissão da Globo: "O projeto terminou"

Fernando Rocha arrow-options
Reprodução/Instagram
Fernando Rocha


"Nesses 30 anos de emissora, adquiri uma personalidade muito ligada à emissora", declarou Fernando Rocha. "Eu fui o 'Fernando da Globo '. Era meu nome, minha identidade. Quando você perde isso, você fica um pouco sem chão, um pouco sem rumo", disse.

Leia também: Fernando Rocha sobre vida após a Globo: "Interessante esse outro lado do muro"

Mesmo tendo ficado chateado com a demissão , o jornalista afirmou que entende o processo de reestruturação pelo qual o canal passa. "Saí pelo processo de reestruturação que atingiu várias pessoas. Continua atingindo. Isso me dá tranquilidade para dizer que não é uma questão particularizada, não vou individualizar meu drama. É uma situação muito maior, muito mais abrangente do que possa parecer", revelou.

Leia também: Da Globo para o mundo: ex-funcionários fazem tour nas emissoras concorrentes

E continuou: "Porque a lista é imensa de pessoas que saíram, depois e antes de mim. Minha história é uma dentro de várias outras. Mas existe um motivo maior, uma questão estratégica que nem me cabe responder, analisar, ponderar, porque é um movimento dentro da própria empresa", disse Fernando Rocha .