IstoÉ

A apresentadora Luisa Mell voltou a utilizar as redes sociais para chamar a atenção das pessoas sobre as queimadas na Amazônia. Desta vez, ela também aproveitou para cobrar uma atitude do presidente Jair Bolsonaro.

Leia também: Em apelo pela Amazônia, Madonna erra nome de Bolsonaro e fãs tiram sarro da gafe

Luisa Mell cobra Bolsonaro sobre queimada na Amazônia
Reprodução/Instagram
Luisa Mell cobra Bolsonaro sobre queimadas na Amazônia

Leia também: Anitta detona governo e diz que Amazônia devia ser administrada por indígenas

“Hoje é dia do Brasil ir às ruas defender nosso maior patrimônio, nossa Amazônia, é muito importante que toda a população compareça – independente do seu partido. É importante que a gente saiba o que está pleiteando. Hoje, nas ruas, nós queremos que o senhor presidente Jair Bolsonaro aja como um presidente, um chefe de estado, como nosso líder", disse Luisa Mell .

"Tome a frente do que está acontecendo, vá até a região imediatamente, demita esse anti-ministro Ricardo Salles, que nunca foi ministro do Meio Ambiente. Este homem é aliado aos ruralistas das mineradoras e age o tempo todo contra o meio ambiente. O Brasil precisa imediatamente de um ministro do Meio Ambiente”, concluiu Luisa em uma série de stories no Instagram  .

A apresentadora também sugeriu a Bolsonaro para que ele peça ajuda aos EUA neste momento crítico. “Exigimos que o senhor pare de brigar com o mundo, vai acabar causando uma guerra. Nós queremos, sim e precisamos, sim, de ajuda internacional”, disse ela.

Leia também: Luisa Mell relata ameaças de morte: “não vão calar minha voz"

Ver essa foto no Instagram

Hj é dia de todo povo brasileiro se unir e ir as ruas para defender nossa maior riqueza: a Floresta Amazônica. Presidente Jair Bolsonaro, aja como um chefe de Estado. Tome a frente da batalha! Vá até o local. Demita imediatamente o ministro Ricardo Salles, que nunca defendeu o meio ambiente, muito pelo contrário! É grande aliado de madeireiros, mineradoras e fazendeiros. Exigimos um verdadeiro Ambientalista para a pasta que o senhor disse n considerar importante ( aos esquecidos, ele anunciou que iria acabar com a pasta, voltou atrás depois da enorme repercussão internacional). Senhor Presidente pare imediatamente com suas acusações levianas. Coloque a Polícia Federal, a Abinc, o serviço de inteligência do país para investigar quem são os responsáveis por este crime contra a humanidade. Pare de dar declarações idiotas e sem responsabilidade! O senhor é o Presidente da República! Suas declarações podem nos levar a uma Guerra. Aja como um Estadista, peça ajuda Internacional! Assuma, que ao contrário do que o senhor anunciou no começo do mês, qd afirmou q não precisava de dinheiro internacional para ajudar a Amazônia... assuma que precisamos sim, de muita ajuda! Peça para seu “amigo” Donald Trump ajuda imediata! Respeite as ongs! Se realmente existir algumas criminosas como o senhor alega...Investigue, comprove e puna! Não tente degradar o trabalho de milhões de pessoas que dedicam suas vidas a um trabalho para transformar o mundo em um lugar melhor! Respeite a Ciência! Entendeu que demitir o Diretor do Inpe, pq o senhor n concordava c os dados do desmatamento não adianta?!? N são os números , nem a maneira de medir que tem q mudar! É o desmatamento que tem q ser combatido. Respeite o povo brasileiro! Respeite o planeta Terra! Nossa mãe natureza grita por socorro! Hj vms a@s ruas por ela! E lembrem-se Tirem a Amazônia do prato! Parem ou pelo menos reduzam o consumo de carne #foraSalles #foraricardosalles #vmsprarua #savetheamazon #setembrosemcarne #somosaresistencia

Uma publicação compartilhada por Luisa mell (@luisamell) em

“Peça para seu ‘amigo’ Donald Trump ajuda imediata! Respeite as ONGs! Se realmente existir algumas criminosas como o senhor alega…Investigue, comprove e puna! Não tente degradar o trabalho de milhões de pessoas que dedicam suas vidas a um trabalho para transformar o mundo em um lugar melhor! Respeite a Ciência!”, completou  Luisa Mell  .

    Leia tudo sobre: Instagram

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários