Tamanho do texto

Em prazo inferior a 30 dias, propriedades da cantora pop foram invadidas por supostos admiradores; cantora é alvo preferido desse tipo de fã; leia mais

A  cantora Taylor Swift é conhecida por muitos motivos: sua música, seus ex-namorados, as polêmicas que se envolve e muitos outros aspectos. No entanto, outro detalhe também vem chamando atenção, os fãs pouco tradicionais da cantora .

Leia também: Nada de Katy Perry! Taylor Swift lança clipe com Ed Sheeran e sem a “inimiga”

Taylor Swift estrela novo comercial da Apple Music
Reprodução
Taylor Swift estrela novo comercial da Apple Music

Acontece que nesta sexta (20), a polícia de Nova York prendeu outro homem que invadiu o apartamento de Taylor Swift no bairro de Tribeca, em Manhattan. Segundo o portal TMZ , os policiais encontraram Roger Alvarado dormindo na cama da artista. Por sorte, a cantora não estava no local no momento da invasão.

Leia também: “A antiga Taylor está morta”: Taylor Swift se reinventa em novo álbum

O caso é bizarro e não seria o primeiro do mundo dos famosos, porém, feliz ou infelizmente, também não é o primeiro de  Taylor . Apenas no mês de abril, esta é a terceira vez que a cantora é perseguida e/ou tem sua residência invadida.

Amor ou loucura?

Polêmicas e bafos de Taylor nunca acabam
Divulgação
Polêmicas e bafos de Taylor nunca acabam

De acordo com informações do TMZ , o primeiro “admirador” foi preso no dia (8) de abril em Nova York tentando escalar o muro da casa de Swift. O indivíduo estava gritando o nome da cantora, mas ela não estava no local. Os seguranças fizeram várias tentativas de impedir a ação antes de efetivamente chamar a polícia.

Dez dias depois, a ocorrência voltou a se repetir, mas agora o infrator era outro e em outro lugar. Desta vez, o invasor que se intitulava "fã" tentou entrar na casa da cantora em Beverly Hills. O homem foi preso e, claro, Taylor não estava em casa no momento.

Por fim, mas nunca menos interessante, o terceiro caso aconteceu recentemente, no dia (20) de abril, novamente em Nova York. O homem aproveitou a casa da artista para tomar banho e tirar um cochilo, mas não teve a oportunidade de conhecer seu ídolo, pois a polícia o prendeu muito antes da cantora chegar à residência.

Taylor está sozinha?

Madonna já foi vítima de fãs invasores
Reprodução / Instagram
Madonna já foi vítima de fãs invasores

No entanto, engana-se quem pensa que a cantora pop está sozinha no barco dos fãs loucos. Inúmeros artistas também já sofreram com este tipo de infração.

Em 2011, um homem de 29 anos invadiu a residência da cantora Madonna, em Londres. Segundo o tablóide The Sun , o invasor teria escalado o muro e quebrado a janela. Felizmente, ele estava desinformado. Na época, a cantora vivia em Nova York, mas mantinha a residência.

Artistas como Ludmilla, Anitta, Selena Gomez, Drake, Jennifer Anniston, entre outros já passaram por esta desagradável experiência, mas nenhum com tanta frequência quanto Taylor.  Só em abril deste ano, são 3 casos!

Quem poderá defender Taylor Swift?

Taylor Swift em cena do clipe de
Reprodução
Taylor Swift em cena do clipe de "Look What You Made Me Do", seu novo single

Leia também: Taylor Swift quebra recordes no YouTube e no Spotify com nova música

Até o momento, Taylor Swift não se posicionou em suas redes sociais sobre o ocorrido. Na internet, tablóides especulam o reforço na segurança das propriedades da cantora, mas nada certo foi divulgado à imprensa ainda.