A  cantora Taylor Swift é conhecida por muitos motivos: sua música, seus ex-namorados, as polêmicas que se envolve e muitos outros aspectos. No entanto, outro detalhe também vem chamando atenção, os fãs pouco tradicionais da cantora .

Leia também: Nada de Katy Perry! Taylor Swift lança clipe com Ed Sheeran e sem a “inimiga”

undefined
Reprodução
Taylor Swift estrela novo comercial da Apple Music

Acontece que nesta sexta (20), a polícia de Nova York prendeu outro homem que invadiu o apartamento de Taylor Swift no bairro de Tribeca, em Manhattan. Segundo o portal TMZ , os policiais encontraram Roger Alvarado dormindo na cama da artista. Por sorte, a cantora não estava no local no momento da invasão.

Leia também: “A antiga Taylor está morta”: Taylor Swift se reinventa em novo álbum

O caso é bizarro e não seria o primeiro do mundo dos famosos, porém, feliz ou infelizmente, também não é o primeiro de  Taylor . Apenas no mês de abril, esta é a terceira vez que a cantora é perseguida e/ou tem sua residência invadida.

Amor ou loucura?

undefined
Divulgação
Polêmicas e bafos de Taylor nunca acabam

De acordo com informações do TMZ , o primeiro “admirador” foi preso no dia (8) de abril em Nova York tentando escalar o muro da casa de Swift. O indivíduo estava gritando o nome da cantora, mas ela não estava no local. Os seguranças fizeram várias tentativas de impedir a ação antes de efetivamente chamar a polícia.

Dez dias depois, a ocorrência voltou a se repetir, mas agora o infrator era outro e em outro lugar. Desta vez, o invasor que se intitulava "fã" tentou entrar na casa da cantora em Beverly Hills. O homem foi preso e, claro, Taylor não estava em casa no momento.

Por fim, mas nunca menos interessante, o terceiro caso aconteceu recentemente, no dia (20) de abril, novamente em Nova York. O homem aproveitou a casa da artista para tomar banho e tirar um cochilo, mas não teve a oportunidade de conhecer seu ídolo, pois a polícia o prendeu muito antes da cantora chegar à residência.

Taylor está sozinha?

undefined
Reprodução / Instagram
Madonna já foi vítima de fãs invasores

No entanto, engana-se quem pensa que a cantora pop está sozinha no barco dos fãs loucos. Inúmeros artistas também já sofreram com este tipo de infração.

Em 2011, um homem de 29 anos invadiu a residência da cantora Madonna, em Londres. Segundo o tablóide The Sun , o invasor teria escalado o muro e quebrado a janela. Felizmente, ele estava desinformado. Na época, a cantora vivia em Nova York, mas mantinha a residência.

Artistas como Ludmilla, Anitta, Selena Gomez, Drake, Jennifer Anniston, entre outros já passaram por esta desagradável experiência, mas nenhum com tanta frequência quanto Taylor.  Só em abril deste ano, são 3 casos!

Quem poderá defender Taylor Swift?

undefined
Reprodução
Taylor Swift em cena do clipe de "Look What You Made Me Do", seu novo single

Leia também: Taylor Swift quebra recordes no YouTube e no Spotify com nova música

Até o momento, Taylor Swift não se posicionou em suas redes sociais sobre o ocorrido. Na internet, tablóides especulam o reforço na segurança das propriedades da cantora, mas nada certo foi divulgado à imprensa ainda.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários