Tiago Leifert, apresentador do "Big Brother Brasil ", fez um textão no Instagram nesta quarta-feira (12) e se defendeu das acusações de alguns internauta após discurso para eliminação de Hadson . Os telespectadores do "BBB" têm reclamado da postura de Tiago em relação ao jogo. Algumas pessoas acusam o apresentador de "passar pano" para atitudes machistas cometidas pelos participantes. Há também quem diga que Tiago está levando informações de fora para dentro do confinamento.

Leia também: Bruna Marquezine defende Manu e critica comentário de Tiago Leifert: "Infeliz"

Tiago Leifert arrow-options
Reprodução
Tiago Leifert


Leia também: Hadson é o terceiro eliminado do "BBB 20"

"Vamos combinar uma coisa: espancar, chutar uma pessoa caída é um ato errado e covarde no mundo real e no virtual. Quando pessoas erram, eu acredito no diálogo, arrependimento, perdão. Em casos mais graves, na Justiça. Isso não é ser condescendente, isso é tomar o caminho mais difícil (e hoje em dia super solitário): o certo. Não acredito que destruir a vida de uma pessoa com linchamento virtual resolva o problema original", inciou Tiago Leifert .

Leia também: Na estreia no "BBB", Tiago Leifert é irônico e reclama do público

"Pelo contrário! Ao tentar resolver o problema espancando, você acaba criando outro, gerando ainda mais ódio e violência, ferindo, e provavelmente tirando o foco da solução. Linchamento virtual é tão errado quanto qualquer outra coisa, não faz de você uma pessoa melhor e não conserta o mundo. Quem lincha é herói? Ou vilão? Não adianta nada ficar de biquinho quando te atacam na internet e depois atacar os outros com seus milhões de seguidores quando você discorda de alguma coisa. Não adianta nada salvar cachorros e gatos se para isso você destrói reputações e vidas humanas. Não adianta nada ficar falando de 'empatia' a cada 3 posts se você não a pratica quando ela é mais necessária, porque ter empatia com quem a gente gosta é mole! Difícil é ter com quem tá errado. Eu jamais vou linchar uma pessoa e não sou Juiz do Mundo, não esperem isso de mim", finalizou Leifert .

Ver essa foto no Instagram

Vamos combinar uma coisa: Espancar, chutar uma pessoa caída é um ato errado e covarde no mundo real e no virtual. Quando pessoas erram, eu acredito no diálogo, arrependimento, perdão. Em casos mais graves, na Justiça. Isso não é ser condescendente, isso é tomar o caminho mais difícil (e hoje em dia super solitário): o certo. Não acredito que destruir a vida de uma pessoa com linchamento virtual resolva o problema original. Pelo contrário! Ao tentar resolver o problema espancando, você acaba criando outro, gerando ainda mais ódio e violência, ferindo, e provavelmente tirando o foco da solução. Linchamento virtual é tão errado quanto qualquer outra coisa, não faz de você uma pessoa melhor e não conserta o mundo. Quem lincha é herói? Ou vilão? Não adianta nada ficar de biquinho quando te atacam na internet e depois atacar os outros com seus milhões de seguidores quando vc discorda de alguma coisa. Não adianta nada salvar cachorros e gatos se para isso você destrói reputações e vidas humanas. Não adianta nada ficar falando de “empatia” a cada 3 posts se você não a pratica quando ela é mais necessária, porque ter empatia com quem a gente gosta é mole! Difícil é ter com quem tá errado. Eu jamais vou linchar uma pessoa e não sou Juiz do Mundo, não esperem isso de mim.

Uma publicação compartilhada por Tiago Leifert (@tiagoleifert) em








    Leia tudo sobre: bbb

    Veja Também

      Mostrar mais