Andréia Sadi teria negado proposta da CNN
Reprodução/Globo
Andréia Sadi teria negado proposta da CNN

A CNN Brasil teria recebido um não de Andréia Sadi pela segunda vez. O canal de notícias teria tentado contratar a jornalista do grupo Globo, mas ela teria dito que está feliz na empresa atual e não pretende mudar de emprego tão cedo, pois se sente respeitada onde trabalha.

Segundo o site Notícias da TV, a CNN ofereceu um formato para Andréia Sadi semelhante ao que ela está costumada a fazer na Globo e GloboNews. Caso fosse para a televisão fechada, ela continuaria fazendo entradas ao vivo para levar apurações e informações dos bastidores do mundo da política. A jornalista iria ao ar em horário nobre, a faixa de programação mais disputada na emissora.

Porém, as negociações não tiveram continuidade pela falta de vontade de Sadi. Ela teria dito que não pretende "leiloar" seu serviço e que deseja continuar na Globo. A repórter e comentarista política é um dos principais nomes do jornalismo na emissora e deve ganhar mais destaque no próximo ano por conta das eleições à presidência.

Essa foi a segunda vez que a CNN tentou contratar Andréia Sadi. Em 2019, quando o canal de notícias estreou no Brasil, a empresa teria tentado tirar a jornalista da Globo e transformá-la em um dos principais destaques do canal. Ao contrário de muitos ex-profissionais da Globo, Sadi não se interessou pela proposta e continuou no mesmo trabalho de antes.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários