Henri Castelli
Reprodução/TV Globo
Alberto tenta acabar com a vida de Cassiano

No capítulo anterior de “Flor do Caribe”, Alberto (Igor Rickli) ficou irritado com o pedido de demissão dos funcionários que foram trabalhar na exploração da antiga mina. Em cenas previstas para esta quinta-feira (14), no capítulo da edição especial da novela das 18h da Globo, Alberto oferece dinheiro para que Silvestre (Wilson Rabelo) volte a trabalhar em sua empresa, mas pede que uma bomba seja colocada na mina de Cassiano (Henri Castelli) e Duque (Jean Pierre Noher).

E ainda, o vilão armou contra Ester (Grazi Massafera) para que ela perdesse a audiência para a guarda de Laurinha (Serena e Vitoria Lovatel), Zuleika (Gisele Alves) tentou acordá-la, sem sucesso, ela liga para pedir ajuda a Cassiano. Ester não consegue chegar a tempo para a entrevista da guarda da menina.

Já Alberto aproveita para mentir durante a entrevista, dizendo que Ester tem o costume de chegar tarde em casa, insinuando que ela seja uma irresponsável.

Pressionado por Arruda (Jonas Mello), Dionísio (Sérgio Mamberti) decide pagar 1 milhão de dólares exigidos pelo capanga, para que ele não revele a verdade sobre o sequestro e atentado a vida de Samuel (Juca de Oliveira). O joalheiro informa à polícia que foi vítima de crime racial e que suspeita que Dionísio seja o mandante.

Dom Rafael (Cesar Troncoso) confessa a Duque que era ele o responsável pela travessia das obras roubadas por Dionísio para o Brasil.

Encerrando o capítulo de “Flor do Caribe”, a bomba instalada por Silvestre explode na mina e Cassiano fica soterrado pelos escombros.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários