Dani Calabresa e Marcius Melhem
Divulgação/TV Globo
Dani Calabresa e Marcius Melhem


Marcius Melhem reuniu mensagens trocadas com Dani Calabresa para que a humorista negue ou confirme o teor de reportagem da Piauí, segundo a qual ele a teria assediado. A finalidade do ator e diretor é provar que, entre 2017 e 2019, os dois mantinham uma relação amigável. O conteúdo foi enviado para o e-mail da humorista, segundo informações do jornal Folha de S.Paulo.

Em entrevista ao jornal, Melhem ainda disse que não aceita ser julgado pelas redes sociais. "Isso é linchamento, inquisição. Estou pedindo para ser julgado. Quando que alguém acusado de um crime implora para ser julgado?", questionou.

No documento, entre as conversas, estão uma em que Calabresa agradece a Melhem as felicitações que recebeu pelo aniversário. "Chefe, estou mandando essa mensagem para agradecer a mensagem linda que você mandou no grupo. Todas as mensagens que você sempre manda de apoio e de carinho. Nossa, você não tem ideia quanto eu fico feliz de saber que você me acha talentosa. Eu sou sua fã pra caralh*", disse em áudio, que terminou com a humorista dizendo para irem para à Disney juntos.

Procurada pela Folha, Dani Calabresa deu uma resposta através de sua advogada, Mayra Cota. "Objetiva intimidar não apenas uma vítima específica mas outras que ainda permanecem protegidas sob sigilo e até mesmo testemunhas, como se isso fosse capaz de apagar os graves fatos narrados e cuidadosamente checados com dezenas de pessoas citadas pelas matérias", disse.

Melhem afirmou estar em uma "encruzilhada por parte da opinião pública". "Se mostro alguma coisa, estou expondo as vítimas. Se vou para a Justiça, estou intimidando a advogada", disse ao jornal.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários