A RedeTV! venceu um processo na Justiça que estava sendo movido pela modelo transexual Viviany Beleboni, famosa por interpretar Jesus Cristo na Parada LGBTQ+ de São Paulo. Ela queria uma indenização da emissora no valor de 100 salários mínimos, o equivalente a R$ 104,5 mil. A modelo entrou com a ação na Justiça por conta da vez em que  o apresentador Sikêra Jr usou uma foto dela no telão para falar de um homicídio cometido por duas lésbicas, crime com o qual ela não tinha nenhuma relação.

sikera jr, viviany belboni
Reprodução/Instagram
RedeTv! se livra de processo

Viviany já havia entrado com uma ação contra Sikêra Jr. O juiz Sidney da Silva Braga determinou que o apresentador deve pagar uma indenização de R$ 30 mil por danos morais. "O fato de a autora ser artista reconhecida não autoriza que possa ter sua imagem exposta sem autorização e ser chamada de 'raça desgraçada' em contexto de crítica à prática de um crime que com ela não tem qualquer relação", determinou o magistrado.

Após essa vitória, a modelo abriu um novo processo, dessa vez contra a própria RedeTV!. Porém, o juiz Vitor Frederico Kümpel, da 27ª Vara Cível de São Paulo, entendeu que o caso já foi decidido com a condenação de Sikêra Jr e que Viviany não poderia abrir entrar com uma nova ação sobre o mesmo caso. Essa é a decisão em primeira instância e a modelo ainda pode recorrer.

    Veja Também

      Mostrar mais