Bolsonaro e Datena
Reprodução
Bolsonaro e Datena


O presidente Jair Bolsonaro participou do evento “Vencendo a Covid-19”, no Palácio do Planalto, na manhã desta segunda-feira (24). Em seu discurso, ele voltou a atacar repórteres dizendo que nele a Covid-19 não teve grandes efeitos,  mas “quando pega num bundão de vocês a chance de sobreviver é bem menor”.  O pronunciamento deixou o apresentador Datena bastante indignado.

Após ter ameaçado um repórter e gerado grande comoção nas redes sociais,  Bolsonaro afirmou que jornalistas só sabem “fazer maldade” e “usar a caneta com maldade em grande parte”. "Tem exceções como aqui o Alexandre Garcia. A chance de [um jornalista] sobreviver é bem menor do que a minha. E quem falou ‘gripezinha’ foi o Dráuzio Varella, deixar bem claro. E depois eu fui atrás”, afirmou.


Durante a exibição do "Brasil Urgente", na Band, Datena disse: “Bundão é o Jair. Bundão é o senhor. Eu não sou bundão, presidente". Ele ainda completou: “Ele [Jair Bolsonaro] abre um caminho de duas mãos, porque ele não pode ofender qualquer cidadão brasileiro da forma que ele ofendeu. Eu, por exemplo, sou do jornalismo e não sou bundão”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários