O Jornal Nacional, da TV Globo , rebateu as críticas à imprensa do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que declarou, sobre a cobertura do coronavírus , "às vezes, os meios de comunicação são sórdidos porque ele só vendem se a matéria for ruim", neste sábado (28/03).

Leia também: Latino adota rapaz, mas não paga pensão para filha com Kelly Key

Ana Paula Araújo arrow-options
Reprodução
Ana Paula Araújo, JN

Leia também: Daniel fala sobre suposta broxada dentro da casa do BBB 20

A âncora do  JN  Ana Paula Araújo afirmou que é estarrecedor que o ministro não reconheça o trabalho da imprensa diante uma pandemia e sem a vacina. " O trabalho dos jornalistas da Globo e de outros veículos é um remédio poderoso, dar informação para que o povo possa se proteger. Ela disse ainda que há muitos trabalhos essencias como de médicos e enfermeiros  "mas nós jornalistas estamos na rua, arriscando a nossa saúde para cumprir a nossa missão e fazemos isso com orgulho".  

O jornal também mostrou trechos da fala do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, durante entrevista coletiva neste sábado, pedindo a permanência das pessoas em casa. Ele disse que, com a diminuição da circulação de pessoas, há menos acidente de trânsito o que está desafogando o sistema de saúde, liberando profissionais para o atendimento de casos de Covid-19

Leia também: Regina Duarte compartilha foto de escultura com autor errado e é criticada

A edição deste sábado do  JN  destacou ainda estudo que mostra que as medidas de isolamento social estão ajudando a conter a disseminação da pandemia do novo coronavírus em São Paulo. Em menos de dez dias, a doença cresceu cinco vezes no estado, metade do aumento registrado em todo o país. O Instituto Butantan fez uma pesquisa, junto com o Centro de Contingenciamento da Covid-19 de São Paulo, analisando os números de casos confirmados na região metropolitana.  



    Veja Também

      Mostrar mais