Tamanho do texto

Além disso, em sua estreia a nova atração da programação da Globo deteve bons números, que estavam em queda durante exibição de "Espelho da Vida"

Nesta terça (02) estreou “Órfãos da Terra”, novela da Globo que substitui “Espelho da Vida” na programação. Esteticamente rica, a direção caprichou nos detalhes. Figurino, cenário, objetos de cena, tudo se funde para criar a ilusão perfeita.

Leia também: Com início confuso e sonolento, "Espelho da Vida" termina como fenômeno digital

Elenco principal de
Divulgação / TV Globo
Elenco principal de "Órfãos da Terra"

Muito além do “arebaba” e do “inxalá”, “ Órfãos da Terra ” se mostra uma nova roupagem, uma versão 2.0, de “Caminho das Índias” (2009) ao rechear seu roteiro não apenas com expressões árabes, mas frases inteiras.

Leia também: A fórmula das novelas das sete para fazer sucesso: manter-se ruins

Colocando de lado o roteiro e o visual, a trama da Globo escrita por Duca Rachid e Thelma Guedes coloca à frente dos personagens principais e secundários um conflito social que já faz aniversário nos noticiários: a guerra da Síria e como ela afeta os habitantes locais.

Logo no primeiro capítulo, por exemplo, a protagonista Laila, interpretada por Julia Dalavia, vê sua vida ruir ao ser expulsa de sua terra natal e ter que andar centenas de quilômetros para buscar um novo lar.

Em meio a todas estas questões sociais e religiosas, os escritores querem fazer um romance aflorar. O grande galã será Jamil, que ganhará destaque através do talento de Renato Goés.

Renato Goés posando
Divulgação / TV Globo
Renato Goés será galã em "Órfãos da Terra"

Mesclando as dificuldades na Síria com a vida no Brasil, a trama nem se consolidou em sua horário mas deixou claro que o merchandising social - inserção de assuntos com propósito educativos bem definidos - focará na imigração, no feminismo e na situação dos refugiados.

Falando em faixa horária, a novela teve números razoáveis para sua estreia, levando em relação que “Espelho da Vida” alcançava regularmente 19 pontos, que significou uma queda de 14% na audiência em relação a sua antecessora, “Orgulho e Paixão”.

Com 18.3 de média e 18.5 de pico, a intenção é que a trama resgate os números perdidos e coloque a atração no trilho dos 30 pontos de audiência novamente.

Leia também: Incêndio atinge cidade cenográfica de "Espelho da Vida", na Globo

Sem final impactante em seu primeiro capítulo, “ Órfãos da Terra ” parece ser um romance melado sem fim, mas que terá como pano de fundo assuntos sérios e um humor icônico.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.