Tamanho do texto

Em meio às negociações de novos contratos, a audiência do programa "Hora do Faro", na Record, vem apresentando queda há mais de um ano

Mais de três anos após iniciar sua jornada aos domingos, o apresentador Rodrigo Faro vem experimentando uma queda vertiginosa na audiência da " Hora do Faro ". Apesar de se manter no pódio do Ibope da tv aberta , em um ano, o programa apresentou uma queda de cerca de 39% em relação ao mesmo período de 2016.

Leia também: Após AVC, Jorge Fernando emociona Ana Maria Braga no "Mais Você"

Rodrigo Faro vem enfrentando problemas de audiência em 2017; antes era recordista em Ibope, agora é vice-líder
Divulgação
Rodrigo Faro vem enfrentando problemas de audiência em 2017; antes era recordista em Ibope, agora é vice-líder

Em 2016, o programa dominical de Rodrigo Faro chegou a atingir 12 pontos consolidados, batendo seu recorde desde a estreia. Contudo, no mesmo período deste ano, a situação é bem diferente. Mesmo sendo especialista em levar os telespectadores às lágrimas, neste ano, a "Hora do Faro" está na vice-liderança, com apenas 8,6 pontos de Ibope.

Leia também: Evaristo Costa confirma saída da Globo: "preciso descansar"

O contrato do apresentador com a Record vai até o mês de dezembro deste ano, com possibilidade de extensão por mais sete anos - as negociações entre Faro e executivos da Record estão avançadas, mas ainda incompletas. 

Ainda que de forma bastante discreta, a Rede Globo já fez algumas análises para estudar a contratação de Faro. O plano consistiria nele permaner aos domingos, em que já tem um público cativo. Apesar de já ter estudo uma faixa de horário para encaixar o programa - aos domingos, antes do futebol, mas sem tirar o "Domingão do Faustão" do ar -, o formato é uma grande dúvida para a emissora e para o próprio apresentador, que está há anos comandando o domingo da concorrente.

Leia também: Exclusivo: saiba quem serão os finalistas do "MasterChef"

Isso porque o dominical "Hora do Faro" é um programa de auditório, com foco no telespectador e quadros sociais - formato que a emissora global deixou de apostar há vários anos. Assim, um possível programa de Rodrigo Faro na Rede Globo culminaria em uma reformulação do apresentador - fato que, conforme ele mesmo já admitiu, seria de seu agrado. Em declarações à imprensa, Faro já admitiu que está cansado do formato que apresenta na Record - e essa seria uma das razões para ainda não ter renovado seu contrato com a Record.