Tamanho do texto

Humorístico da Globo embarcou na crise e surpreendeu ao exibir um clipe ironizando Michel Temer, Eduardo Cunha, Aécio Neves e Rodrigo Maia

O "Zorra" não ignorou os recentes desdobramentos da crise política no Brasil e exibiu nesse sábado (20) um clipe que resumiu toda a situação. A paródia "Caiu Brasil", cantada por Marcelo Adnet, atacou o presidente Michel Temer , o senador Aécio Neves e o presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia e destacou que o povo está pedindo Diretas Já.

Leia também: Famosos se manifestam após denúncia de gravação envolvendo Michel Temer

O
Reprodução/Globo
O "Zorra" atacou o presidente Michel Temer e pediu Diretas Já na abertura do programa desse sábado (20)

O clipe de abertura do "Zorra" desse sábado pegou pesado com Michel Temer. Em referência às recentes denúncias contra o presidente, a música diz que Temer "está  por um fio". A letra ainda tem um verso com "tem que manter isso aí, viu", recuperando a frase dita pelo político ao dono da JBS Joesley Batista sobre a compra do silêncio de Eduardo Cunha.

A paródia também lembrou da fala de Aécio Neves. "O Aécio também se encrencou, dizendo que ia matar", diz a letra. O presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia, que é o próximo na linha sucessória do Palácio do Planalto, não foi esquecido. "A gente não sabe quem vai governar, o Maia não vai segurar", cantou Adnet. "O povo quer Diretas Já", destacou.

Leia também: Marcio Garcia diz que se arrepende de ter apoiado Aécio Neves

Junto à música, o clipe também mostrava imagens que passavam mensagens bem contundentes, como o derretimento de uma foto de Michel Temer e o Congresso explodindo. Eduardo Cunha aparece sendo conduzindo pela Polícia Federal e Dilma Rousseff literalmente cai enquanto Temer fica segurado por um fio.

Nas redes sociais, o humorístico causou polêmica. Veja abaixo algumas reações:

Leia também: Participantes do "BBB 17" gritam "Volta Dilma, Fora Temer"

O "Zorra" foi reformulado em 2015 e agora é comandado por Marcius Melhem e Maurício Farias. Desde as mudanças, o programa de Dani Calabresa, Rodrigo Sant'anna e grande elenco tem feito piadas sobre política, incluindo o impeachment de Dilma e a operação Lava-Jato. O episódio desse sábado ainda teve um quadro satirizando o depoimento de Lula a Sergio Moro.

    Leia tudo sobre:
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.