Tamanho do texto

Betty Faria falou ao iG sobre alegrias que "Tieta", que está de volta à TV no canal Viva, lhe trouxe. No papo exclusivo, ela também fala de seu papel em "A Força do Querer", a polêmica sobre maconha e como envelhecer bem

Betty Faria está vendo uma de suas maiores personagens retornar à televisão. “ Tieta ” estreou essa semana no Canal Viva, e pelos próximos meses trará de volta a história baseada no livro de Jorge Amado.

Leia também: Produção de séries sofre boom no Brasil, mas não deve roubar espaço das novelas

Divulgação/TV Globo
"Tieta" retorna à TV e Betty Faria comenta o papel: "me trouxe muitas alegrias"

“Tieta me deus muitas alegrias” comentou Betty Faria em entrevista ao iG . Ela conta que interpretá-la foi maravilhoso. “Tive sorte em ter a confiança de grandes autores, como Gilberto Braga, Aguinaldo Silva (autor de “Tieta”), Glória Perez , e minha amada Janet Clair. Com eles fiz personagens marcantes e maravilhosos. Minha gratidão a eles pra sempre”, completa a atriz.

Leia também: Fátima Bernardes, "Tá no Ar" e os melhores programas da TV aberta

Mulheres fortes

Ao contrário do que se via em novelas na época, as mocinhas de Betty eram fortes, decididas e independentes. A atriz relembra outras personagens com essas características como a Lucinha, de “Pecado Capital” (1976) e Glória, de “ Anos Dourados ”.

Mas Tieta é diferente. É justamente o conservadorismo que a faz ser expulsa de Santana do Agreste, e é para mostrar a hipocrisia desse conservadorismo que ela retorna. Tieta é desejada por todos, de um jeito ou de outro. Por sua riqueza, beleza ou influência, mesmo quem a julgou no passado acaba por tentar ficar em sua boa graça.

E o papel teve grande influência na carreira de Betty. Ela se diz muito feliz com a importância do papel, pontuando vários motivos para o carisma da obra. “(Tieta) é boa, humana, divertida, bem escrita, dirigida e interpretada. Um grande pacote!”, comenta.

Betty esteve diretamente envolvida nas negociações para transformar a obra de Jorge Amado em uma novela. Então, é fácil imaginar que ela acreditava no potencial da obra. Ainda assim, ela fala que novela é sorte, uma incógnita. “Claro que com minha experiência de TV, eu farejei um sucesso. Mas, a margem de erro é grande. Aguinaldo Silva desenvolvendo a estória, e foi magistral, com verdade, humor, textos avançados para a época, empatia com o povo direto”, confessa. Ela comenta que, recentemente, Aguinaldo comparou “Tieta” com “ O Vento Levou ”.

Obra de arte não tem tempo

“Tieta” teria o mesmo efeito que teve em 1989? Para Betty sim. “Obra de arte não tem tempo”, fala a atriz. “(A novela) vai ser sempre ótima. E não dá para ter um remake”, brinca entre risos.

Tieta se envolve com o sobrinho Ricardo (Cássio Gabus Mendes)
Divulgação/TV Globo
Tieta se envolve com o sobrinho Ricardo (Cássio Gabus Mendes)

 A novela teve ainda uma série de polêmicas, por retratar incesto na relação de Tieta com o sobrinho Ricardo (Cássio Gabus Mendes) e pedofilia com o Coronel Arthur de Tapitanga (Ary Fontoura). Mesmo assim, foi tão bem recebida no Brasil, que sua exibição ultrapassava os 60 pontos de audiência. Betty relembra que em Portugal a novela causou um certo “constrangimento católico” como a atriz coloca, relacionado ao caso de Tieta e Ricardo. “Depois eles aceitaram com paixão total”, completou.

Futuro

Não foi só de passado que Betty falou. Pelo contrário, ela comentou sobre envelhecimento, o futuro das novelas e seu próximo papel em “ A Força do Querer ”. Ela não deu detalhes de sua personagem, que entrará mais ou menos na metade do folhetim, mas comentou que acha a obra maravilhosa e está muito feliz em fazer parte do elenco. “Posso garantir que, por admirar tanto Glória (Perez), tendo carinho, amizade e confiança nela, tenho certeza que ela vai fazer uma coisa muito boa pra mim”, fala sobre sua personagem.

Betty Faria estará em
Divulgação/TV Globo
Betty Faria estará em "A Força do Querer", e diz que acredita que Glória Perez fará algo "muito bom para ela"

Mas será que os dias de novela estão prestes a acabar? Com índices de audiência mais baixos, muito se fala sobre o futuro dos folhetins, principalmente na era do streaming. Mas Betty não vê isso acontecendo. “Novela faz parte da cultura do Brasil. O povo vê novela, se espelha e se identifica com a novela. Temos, atualmente, produções maravilhosas em horários diversos”, explica.

Envelhecimento

“Venho me preparando para esse terceiro tempo da vida há algum tempo”, declara a atriz. Prestes a completar 75 anos, ela comenta que ainda tem muitos sonhos de trabalhar com certos diretores, no cinema e na TV. “Vivo intensamente esse período da vida, com muita gratidão a quem me deu carinho, amor, oportunidades e também um ombro amigo”. Ela comenta que continua recebendo convites para novos trabalhos e não dá sinal de estar pronta para se aposentar .

Betty Faria , que também causou certa polêmica recentemente ao falar sobre o uso de maconha , diz que não sentiu repercussão do ocorrido na sua vida e reafirma: “são tantas polêmicas sobre o uso, que esquecem que a maconha pode ser usada como medicamento, na cura de algumas doenças. Eu espero que o Brasil não fique pra trás mais uma vez”, conclui.

Leia também: Humberto Martins, Juliana Paes e atores que não saem das novelas de Glória Perez

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.