Tamanho do texto

"O foco é nas reações da convidada e nunca no estímulo que ocorre", diz o criador do canal "Puro Êxtase", que desafia mulheres a realizarem tarefas comuns enquanto recebem estímulos e desfrutam de um orgasmo

O que uma mulher consegue fazer enquanto está gozando? Será que é possível ler um livro, comer um yakissoba ou quem sabe brincar com um cubo mágico enquanto está no ápice do prazer? Bom, quem tirou isso a limpo foi o canal do Youtube  "Puro Êxtase" , que desafia mulheres a fazerem diversas atividades comuns do dia a dia enquanto estão desfrutando um orgasmo. Porém, o criador do canal garante: o gancho de ouro não está nos estímulos que a convidada recebe em baixo da mesa, mas sim em suas reações. 

Leia também: As cinco melhores cenas de orgasmo feminino do cinema

Dread Suicide e Mel Fire em ensaio para o canal
Divulgação/Canal Puro Êxtase
Dread Suicide e Mel Fire em ensaio para o canal "Puro Êxtase", que mostra mulheres desfrutando de um orgasmo enquanto realizam atividades do dia a dia




Sem rodeio ou vergonha, o projeto "Puro Êxtase" nasceu para mostrar que mulheres de diferentes idades e profissões, não só podem, como devem desfrutar do que a vida oferece de melhor: o orgasmo , a liberdade sexual e a individualidade do prazer. No canal, podemos ver vídeos como o da Sara Rosa, modelo e atriz pornô, recebendo estímulos e desfrutando de um orgasmo enquanto tenta concluir o desafio "Efeito Dominó", como também, a estudante de comércio exterior, Natália Menezes, usando um vibrador e tentando concluir o desafio "Resta 1".

Leia também:  Nova série do GNT, “Desnude” desbrava os desejos sexuais femininos

Natália Menezes, estudante de comércio exterior, desfrutando de um orgasmo enquanto tenta completar o desafio resta um
Reprodução/Youtube
Natália Menezes, estudante de comércio exterior, desfrutando de um orgasmo enquanto tenta completar o desafio resta um





Em entrevista ao iG Gente , o criador do canal, Pedro Diniz, falou sobre como surgiu a ideia de criar o projeto, como funciona os desafios e o retorno de quem assiste seus vídeos no Youtube: "Eu já era responsável pela realização do projeto "Gozando de Um Bom Livro", onde mulheres comuns eram convidadas a participar utilizando um vibrador enquanto liam um livro. No entanto, desde a falta de envolvimento e até o formato engessado, o canal deixou de existir e abri o meu próprio, porém com propósitos bem maiores. Nasce então, em janeiro de 2015, "Puro Êxtase", um canal que, sem firulas, põe, por meio de desafios literalmente orgásticos, o orgasmo, a liberdade sexual e a individualidade do prazer em pauta", conta Pedro. 

Pedro Diniz, criador e dono do canal
Divulgação/Puro Êxtase
Pedro Diniz, criador e dono do canal "Puro Êxtase", com a co-apresentadora Bruna Gomes







"O canal é aberto à todos, contando não só com participações de atrizes do entretenimento adulto, mas também de cantoras, administradoras e engenheiras, mostrando que todas as mulheres não só podem, mas devem desfrutar do que a vida oferece de melhor", completa. 

Cherry Alves, estrelando o primeiro episódio da 4º temporada do
Reprodução/Youtube
Cherry Alves, estrelando o primeiro episódio da 4º temporada do "Puro Êxtase". O desafio era ter um orgasmo em menos de três minutos enquanto comia um prato de yakissoba


Pedro Diniz nos conta que recebe desde propostas inusitadas até agradecimentos sobre como ajudou a trazer criatividade a relacionamentos: "O retorno dos inscritos é sempre muito interessante. De início, alguns se assustam com a proposta inusitada, mas se apaixonam pelo projeto. Já escutei desde 'muito obrigado por ajudar a trazer criatividade ao meu relacionamento até agradecimentos por finalmente existir uma série que retrate o orgasmo como ele é'". 

Mia Linz lendo a trilogia dos livros
Reprodução/Youtube
Mia Linz lendo a trilogia dos livros "Puro Êxtase" enquanto é estimulada pelo pornô star Catra Jr junto com um vibrador e aproveita seu orgasmo triplo





O relacionamento com a plataforma Youtube também é muito importante para que nenhum vídeo seja denunciado por conteúdo explicito: "O canal é um experimento social que não mostra nada, apenas brinca muito bem com a imaginação do espectador, cumprindo com as normas do Youtube . Tomo cuidado com a elaboração da comunicação e criação de thumbnails para que nunca seja algo além do permitido", conta Pedro. 

Orgasmo e Preconceito 

Pedro havia tentado fazer vídeos com homens, inclusive, no canal há um vídeo com o escritor Thiago Manzo, casado com Mayanna Rodrigues (que também já participou do canal em um vídeo "Desafio da Corrida" e usufruindo de um orgasmo), que precisa concluir o desafio "Uma Mente Brilhante" enquanto curte o seu orgasmo, mas, muitas pessoas demonstraram-se preconceituosas com a proposta: "O primeiro preconceito que enfrentei foi com o lançamento do canal, onde muitas pessoas deduziram que era um heterossexual por trás da produção satisfazendo seus próprios desejos. Errado! Sou muito bem casado com um homem", conta. 

Thiago Manzo, tentando completar um jogo enquanto recebe estímulos de sua mulher em baixo da mesa e desfruta de um orgasmo
Reprodução/Youtube
Thiago Manzo, tentando completar um jogo enquanto recebe estímulos de sua mulher em baixo da mesa e desfruta de um orgasmo


"Sempre parti do princípio que o canal deveria ser para todos, mas me decepcionei profundamente tanto com as reações héteros quanto homossexuais. Os homens héteros não souberam se colocar no lugar do convidado e recorreram a comentários extremamente homofóbicos, enquanto as mídias gays as quais mandei o press release se recusaram a fazer pois existia uma mulher embaixo da mesa. Acredito que este preconceito exista (e ainda vai demorar muito para se extinguir) por culpa da própria cultura machista brasileira que é enraizada. Estamos longe dessa tão buscada igualdade", elabora Pedro sobre o preconceito que sofreu quando postou um vídeo com um homem no canal "Puro Êxtase". 

Leia também: Sem filtros! Confira dez declarações de Giovanna Ewbank sobre sexo

Novos desafios e orgasmos

Uma das principais novidades é que o "Puro Êxtase" vai se mudar para Amsterdam, Holanda, e já conta com a participação da maior atriz pornô da Áustria, Wet Mary. Mas, antes disso, Pedro adianta que o novo desafio aguardado no canal vem no Especial de Páscoa junto com as modelos e atrizes pornô Dread Suicide e Mel Fire alternando posições: "Na estreia, Dread vai fazer o unboxing do play de prata do canal e tentar comer um ovo de páscoa enquanto Mel Fire a desconcentra por completo. Já em maio, Dread tem sua revanche! Mel Fire volta com o update do desafio da "Maquiagem Vibratória", 2º maior desafio do canal com quase 3 milhões de views. Dessa vez, ao invés de receber maquiagem, ela mesma enfrenta o make up enquanto Dread se vinga embaixo da mesa". 

Especial Páscoa com Dread Suicide sendo desafiada a comer um ovo de chocolate e Mel Fire estimulando em baixo da mesa
Reprodução/Youtube
Especial Páscoa com Dread Suicide sendo desafiada a comer um ovo de chocolate e Mel Fire estimulando em baixo da mesa


Leia também: Clipe sobre orgasmo feminino é removido do YouTube e cantora protesta

    Leia tudo sobre: Youtube
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.