Gabi contou detalhes sobre a carreira
Reprodução/Jorge Daux
Gabi contou detalhes sobre a carreira


Gabi Petry ficou conhecida no Brasil por interpretar a vilã Selene em "Carinha de Anjo". Mas seu talento ultrapassou fronteiras. Gabi é considerada uma estrela do cinema no Irã. Os dois filmes de comédia com o nome de 'Texas' fizeram a catarinense ganhar a admiração dos iranianos. 

Em entrevista ao iG Gente, Gabi conta como recebeu o convite curioso para o primeiro filme no Irã. Indicada por um produtor de elenco amigo, ela diz que teve as redes sociais vasculhadas no processo de escolha do elenco.

"Eles iriam rodar uma comédia com os dois maiores astros do Irã e a mocinha seria uma brasileira. Os iranianos me adoraram, mas ficaram estudando meu Instagram por meses. Tem muita coisa que tem que ser respeitada, então eles viram se eu não tinha muitas fotos de biquíni, essas coisas", conta ela. Escolhida para o filme, Gabi passou por alguns perrengues na produção. 

"Me disseram que no filme eu iria atuar em português. O ator falaria em persa e eu responderia em português. Fomos passar nossa primeira cena e o ator parou a gravação, começou a falar em persa com a produção e eu não entendi nada", lembra. A produção, então, pediu para Gabi - que se comunicava com a equipe em inglês - atuar em persa.

"Eu falei certinho a frase e a produção disse: 'bom, você vai fazer o filme inteiro em persa, tá?'. Fiquei apavorada! Pensava: 'como eu iria falar em persa tão próximo'? Eles me passavam os diálogos que falaria no dia", disse a atriz, que não falava uma palavra do idioma, mas afirmou que decorava as frases. Segundo Gabi, ela contou apenas com a ajuda da produção dos filmes.

Gabi Petry atuou no segundo filme iraniano em conjunto com os trabalhos em 'Aventuras de Poliana', no SBT. Com pouco mais de uma semana de folga da emissora, a atriz teve que trabalhar dobrado para entregar as cenas. "Fizemos toda minha parte em oito dias. Iranianos não tem medo. Eles vão com a cara e com a coragem, eu dormia duas horas. Teve dias que trabalhei por 20 horas seguidas, porque só tinha oito dias para gravar todas as minhas tomadas", conta.  

Leia Também

Leia Também

Gabi espera agora a abertura do Irã - que proibiu a entrada aérea no país - por causa da pandemia da  Covid-19 - para atuar em mais filmes. "O diretor do 'Texas' entrou em contato comigo para fazer outras obras. Já pretendo atuar em 'Texas 3'", conta.

Participação em novelas no  Brasil

Gabi interpretou 'Ursinha'
Reprodução/Globo
Gabi interpretou 'Ursinha'

No Brasil, Gabi atuou em 'A Regra do Jogo', da Globo e nas novelas 'As Aventuras de Poliana' e 'Carinha de Anjo', do SBT. Para ela, a personagem mais desafiadora foi Ursinha, da emissora carioca. 

"Foi desafiador porque estive completamente fora da minha realidade, já que fiz uma garota de programa", contou. "Acho que foi para mim mais desafiador e às vezes eu até tinha um medinho. Em algumas cenas que eu falava: 'ai meu Deus como é que eu vou fazer isso?'. Ali tem que encarnar a atriz", disse ela, que contracenava com Giovanna Antonelli, que vivia a vilã Atena.

'Passaporte para Liberdade'

Gabi também interpretou uma judia
Reprodução/Globo
Gabi também interpretou uma judia


Em seu último trabalho na TV, Gabi atuou em 'Passaporte para Liberdade', série que conta a história de Aracy de Carvalho, que salvou milhares de judeus do holocausto. Na série, Gabi interpreta a cantora judia Vivi Krüger. Toda gravada em inglês britânico, a atriz teve que adaptar a fala para o sotaque judaico. 

"Peguei o sotaque judaico, mais próximo do leste europeu. Tive que criar um sotaque para personagem, por ela ser artista, filha de judia. A ideia era de não saber de onde essa menina é de verdade. É uma outra linguagem, então foi um pouquinho mais difícil, mas sem dúvida muito ainda muito mais fácil de do que atuar em persa", conta. 

Segundo a atriz, a personagem a ajudou a abrir portas na carreira. "Ainda não posso falar nada. Em breve teremos novidades", disse.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários