Ele e o sócio Almicare Davello Júnior tiveram os bens bloqueados pela justiça
Reprodução
Ele e o sócio Almicare Davello Júnior tiveram os bens bloqueados pela justiça


Nesta terça-feira (28), a 3ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais determinou o bloqueio dos bens pessoais dos empresários Marcelo de Carvalho e Almicare Dallevo Júnior, sócios e donos da Rede TV!. A decisão da justiça é referente a um processo em que a emissora é cobrada em R$137,8 milhões.

O processo foi movido pela massa falida da Petroforte Brasileiro de Petróleo, empresa que foi a terceira maior distribuidora de combustíveis do país e tem origem a partir empréstimos obtidos pela emissora junto ao Banco Rural. Depois, o crédito foi comprado por um banco do grupo Petroforte, que faliu. 


Agora, esta massa falida cobra a dívida da emissora. A juíza Maria Rebello Pinho Dias, que move o processo, havia pedido a penhora de cotas de capital da Rede TV!, mas a empresa recorreu da decisão, alegando que não são suficientes para quitação do débito. Por isso, a juíza decidiu pelo bloqueio dos bens pessoais dos empresários até um perito avaliar o valor das contas. 

Para a coluna de Rogério Gentile, o advogado da Rede TV! José Carlos Etrusco Vieira afirma que a emissora não reconhece a dívida e o seu "absurdo valor". Ele também disse que irá recorrer da decisão que bloqueou os bens dos empresários, além de informar que a emissora já havia declarado à Justiça as garantias necessárias sobre a capacidade de arcar com o pagamento, sem necessidade de atingir os bens dos empresários.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários