A herança de Gugu Liberato, avaliada em cerca de R$ 1 bilhão, continua sendo disputada e gerando atrito entre os membros da sua família. Desde que o apresentador morreu, Rose Miriam Di Matteo vem brigando na Justiça para ser reconhecida como herdeira e, em meio a essa briga, o filho mais velho do casal pediu para advogada Marina Coelho Araújoregistrar um Boletim de Ocorrência (B.O.) contra a própria mãe.

Leia também: Viúva de Gugu revela pesadelo que tem vivido: "Não vou viver de migalhas"

João Augusto e Rose Miriam arrow-options
Rafael Cusato/Globo
Gugu Liberato


Leia também: "Nunca vou perdoar a Rose", diz mãe de Gugu Liberato

Segundo informações da Veja , o B.O. foi feito porque, conforme João Augusto, Rose armou uma cilada para ele na mesma noite em que Gugu foi enterrado. Junto com o irmão, Gianfrancesco di Matteo, Rose mentiu dizendo ao filho que o levaria à casa de um amigo, porém o jovem foi conduzido para a casa do advogado Nelson Wilians.

Leia também: Abusou da hospitalidade: filho de Gugu quer expulsar tio de casa nos EUA

Chegando ao local, ainda de acordo com a Veja , João Augusto percebeu que o advogado representaria a mãe na disputa pela herança e resolveu sair dali. Rose continua morando com os filhos, mas o clima de tensão continua pairando sob a família de Gugu Liberato .  

    Veja Também

      Mostrar mais