Tamanho do texto

Chay Suede, Emílio Dantas e Fabrício Boliveira são as capas da GQ de setembro e fazem sucesso por serem o novo tipo de homem. Confira mais

A nova safra de galãs da Globo são capa da revista GQ do mês de setembro. Chay Suede, Emílio Dantas e Fabrício Boliveira ressaltam que o novo homem já existe. Os atores estão no ar na novela “Segundo Sol” da emissora.  

Leia também: "Segundo Sol" recicla frase icônica de "Avenida Brasil" e internet vai à loucura

Galãs de
Hick Duarte
Galãs de "Segundo Sol"



Emílio Dantas vive o protagonista Beto Falcão em “Segundo Sol” e seu personagem está diante da imagem criada pela mídia e em que seu sex appeal está em primeiro lugar. O ator faz parte de uma nova leva de atores em que se sentem à vontade com seu corpo: " Já fui noiado com essa coisa de tirar a camisa, já me preocupei porque meu corpo não é maneiro. Porém, quando vejo as mulheres falando sobre aceitação, isso traz confiança”, conta Dantas.

Com um personagem que tem uma grande exposição, Chay Suede interpreta um garoto de programa e afirma que tira de letra: “Tento ser espontâneo, posto o que me dá vontade, não fico refletindo muito sobre o que vou dizer, o que vou postar”, conta Suede sobre se expor nas redes sociais.
Leia também: Colorismo é debatido fora da militância e pode mudar os rumos das artes visuais

Capa da revista GQ de setembro
Divulgação
Capa da revista GQ de setembro

Recentemente, o ator terminou seu relacionamento com atriz e modelo Laura Neiva e conta como está sendo ver seu namoro ser assunto nas redes sociais: "As pessoas criam expectativas em relação a todos os indivíduos. Com o artista é igual, às vezes essa expectativa é frustrada. Quando o que dizem se distancia muito da realidade é preocupante, não pelo que estão dizendo, mas me pergunto por que é importante desfigurar alguém? Mas não perco meu sono por isso".

Desde a sua infância, o ator Fabrício Boliveira sempre quis contar histórias. Hoje em dia, Boliveira ajuda a compor um homem mais sensível e menos refém do machismo: "Não é mais confortável viver neste lugar, a não ser que você seja branco, hétero e rico. O machismo é uma escravidão, até mesmo para quem tem todos esses privilégios", pontua. 

Galãs de “Segundo Sol”

Emilio Dantas em
Divulgação
Emilio Dantas em "Segundo Sol"



Leia também: Personagens que estão cansando a nossa paciência em "Segundo Sol"

Emilio Dantas, Chay Suede e Fabrício Boliveira fazem sucesso na novela “Segundo Sol” .Eles fazem parte da nova geração de homens comuns e seus personagens estão longe do estereótipo de machão, como nos folhetins dos idos anos 90, e se aproximam mais da realidade atual.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.