Tamanho do texto

Brunet movia um processo para reconhecer que ela e o ex-namorado Lírio Parisotto estavam em uma união estável durante os cinco anos de relação

A atriz Luiza Brunet veio às redes sociais nesta terça-feira (29) para se posicionar após perder uma ação que movia contra o ex Lírio Parisotto , para ter o reconhecimento da união estável. De acordo com o colunista Leo Dias, Brunet pedia R$ 100 milhões ao empresário em processo .

Luiza Brunet compartilhou imagem no instagram para falar sobre processo contra ex
Reprodução/Instagram
Luiza Brunet compartilhou imagem no instagram para falar sobre processo contra ex

Leia também: Ana Furtado revela câncer de mama e se prepara para quimioterapia: "muita fé"

“Bom dia! Nunca fugi do meu papel de pessoa pública. Foi assim desde que me lancei na moda, com minha biografia, as reportagens e redes sociais. Com todos os ônus e bônus que isso traz para a vida pessoal. E foi tornando pública uma parte triste da minha vida pessoal que me deu uma visão transformadora da minha própria trajetória”, escreveu Luiza Brunet , ao compartilhar uma selfie.

“Ter sido agredida por um homem, ter tido a coragem de denunciar e ajudar mulheres no Brasil e no mundo a tomar esse tipo de iniciativa, me orgulha demais. E exigir meus direitos nesse processo é algo que não abro mão”, completou a atriz.

Leia também: Justiça condena Reserva a pagar R$ 30 mil de indenização a herdeiros de Tim Maia

“Meus advogados vão recorrer da decisão do Tribunal de Justiça por não ter reconhecido a união estável com o empresário que me agrediu. A sentença não reflete as provas e eu continuo acreditando na justiça. E agradeço a manifestação de apoio de todos vocês”, finalizou.

O caso de Luiza Brunet

Luiza Brunet e Lírio Parisotto
Reprodução/Instagram
Luiza Brunet e Lírio Parisotto

A atriz revelou ter sofrido uma série de agressões dele no Plaza Residence, em Nova York, nos Estados Unidos em 2016. De acordo como seu relato, ela fez a viagem para acompanha-lo em um evento e ao serem questionados se iriam a uma exposição, Parisotto se exaltou e respondeu que não pois da útlima vez havia sido confundido com o ex-marido da atriz, Armando.

Ao chegar no hotel, Brunet relembrou que o companheiro se descontrolou, chegando a dar um soco em seu olho, seguido de chutes. As agressões foram tão violentas que quebraram quatro costelas dela.

Leia também: Jovem de 20 anos processa R. Kelly por abuso sexual e cárcere privado

Depois do ocorrido, Parisotto foi condenado a um ano de prisão, em regime aberto, além de ficar dois anos sob vigilância e cumprir serviço comunitário durante doze meses. Entretanto, os processos não pararam por aí.

Brunet chegou a entrar com uma ação contra o ex-namorado em São Paulo pedindo metade dos bens ganhos por Parisotto no tempo em que eles se relacionaram, afirmando que viveram por cinco anos como marido e mulher. O juiz, por sua vez, definiu que além de Luiza Brunet não receber nada, ainda terá que pagar as custas processuais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.