Tamanho do texto

Se acordo com a atriz, a orgia aconteceu com o criador da revista Playboy, Hugh Hefner, e mais sete mulheres: "Estava todo mundo pelado", contou

Pamela Anderson revelou ter participado de uma orgia na Mansão Playboy, com o empresário e criador da revista Playboy, Hugh Hefner , e mais sete mulheres. “Estava todo mundo pelado, eu, o Hef e mais sete garotas”, contou ela ao participar do programa do apresentador Piers Morgan .

Leia também: De camisola, Pamela Anderson chora a morte do fundador da "Playboy"

Pamela Anderson revela ter participado de orgia na Mansão Playboy
Reprodução/Instagram
Pamela Anderson revela ter participado de orgia na Mansão Playboy


“Eu vi muitas loucuras na Mansão Playboy”, disse  Pamela Anderson , que não parou por aí e falou mais: “Ele sempre tinha muitas mulheres ao redor dele. Sempre havia televisões gigantes mostrando imagens dele em meio a várias garotas com as peles oleosas”, completou.

Leia também: Aos 50, Pamela Anderson provoca com foto de lingerie na web

Falecimento de Hugh Hefner

Em setembro do ano passado, o empresário norte-americano Hugh Hefner, fundador da revista Playboy morreu aos 91 anos. Ele vivia em Los Angeles, na Califórnia, na famosa Mansão da Playboy. A morte foi divulgada pelo site TMZ e confirmada pela própria revista Playboy em suas redes sociais.

Na época, filho mais novo do empresário, Cooper Hefner, falou com a imprensa norte-americano, lamentando a morte do pai. "uma vida excepcional e impactante e foi um pioneiro da imprensa e da cultura. Ele foi um porta-voz de alguns dos movimentos sociais e culturais mais significantes do nosso tempo e defendeu a liberdade de expressão, os direitos civis e a liberdade sexual", disse Cooper, que é tido como o substituto de Hugh como o "rosto" da marca Playboy.

Leia também: Morre Hugh Hefner, fundador da revista "Playboy"

Depois da morte do empresário, Pamela Anderson apareceu aos prantos, com a maquiagem borrada e usando uma camisola para lamentar o falecimento do criador da "Playboy". A ex-coelhinha publicou um texto e um vídeo em seu Instagram na madrugada desta quinta-feira (28) e homenageou o amigo.

"Eu sou o que sou por sua causa. Você me ensinou tudo sobre liberdade e respeito. Você era a pessoa mais importante da minha vida, fora da minha família. Você me deu a minha vida. As pessoas dizem que eu sou sua favorita e eu estou em choque", escreveu Pamela Anderson, que ainda completou. "A última vez que nos encontramos, você estava usando um andador. Você não queria me ver. Você não podia escutar. Você tinha um pedaço de papel no bolso e me mostrou: meu nome com um coração em volta dele. Agora, eu estou aos pedaços".


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.