Tamanho do texto

Antonia Fontenelle vence processo movido pelas filhas da atriz Flávia Alessandra e deverá ter direito a herança deixada pelo diretor da Rede Globo

Antônia Fontenelle usou sua conta oficial do Instagram para comemorar a vitória no processo movido contra ela pela filha de  Flávia Alessandra pela herança de Marcos Paulo , ex-marido de ambas, morto em 2012. O diretor da Rede Globo foi vítima de um câncer de estômago e faleceu após um longo período internado.

Leia também: Antônia Fontenelle e filha de Marcos Paulo ganharam apartamento em NY

Antônia Fontenelle vence batalha judicial sobre herança deixada por Marcos Paulo, morto em 2012
Reprodução/Instagram
Antônia Fontenelle vence batalha judicial sobre herança deixada por Marcos Paulo, morto em 2012

A decisão de três desembargadores do Tribunal do Rio de Janeiro saiu nesta quarta-feira (02) e reconhece Antônia Fontenelle como herdeira legítima da herança deixada por Marcos Paulo, avaliada na casa dos R$ 30 milhões. Para comemorar a vitória, ela publicou uma foto do ex-marido sorrindo e escreveu uma mensagem de agradecimento na legenda. "A cada vitoria é assim que eu lhe vejo: sorrindo. Obrigada por me honrar. Justiça feita!", agradeceu.

Leia também: "Foi preciso Marcos Paulo morrer para me conhecerem", diz Antônia Fontenelle

Veja a publicação

Leia também: Antônia Fontenelle chora ao falar de relação com Giulia Costa: "É terrível"

A decisão do Tribunal de Justiça se deu por unanimidade entre os desembargadores. O processo tramita há cinco anos na justiça estadual. A decisão é definitiva como um todo, mas ainda há pontos passíveis de recurso. Um deles é que ficou decidido que Antônia tem direito ao espólio referente aos bens adquiridos durante a aunião estável, mas há entendimento do STF que a união estável também garante direitos sucessórios, que a decisão do TJ do Rio só estende às filhas de Marcos Paulo. De todo modo, o mérito da decisão é irrevogável. 

Ao colunista Leo Dias, Antonia enviou uma nota em que criticou a postura do inventariante do inventariante, o advogado João Paulo Lins e Silva, e cobrou respeito à luz da decisão judicial. "A responsabilidade legal pela boa e rápida condução do processo é do inventariante, assim como a obrigação de ser imparcial: ele não pode distribuir notas à imprensa dizendo que estou atrapalhando o inventário e que eu posso nao ter direito a nada, até porque ele, melhor do que ninguem, sabe qual era a verdadeira vontade do Marcos Paulo".

Relembre o caso

Após a morte do diretor da Rede Globo, Marcos Paulo, vítima de um câncer de estômago, Antônia Fontenelle e Flávia Alessandra passaram a travar uma batalha judicial para disputar a herança deixada pelo diretor. Flávia Alessandra afirma que está somente representando Giulia, filha do diretor e fruto de seu casamento com ele. Antônia afirma que tem direito na herança pois tinha uma união estável com Marcos Paulo e ficou com ele até o momento de sua morte.