Tamanho do texto

Claudia Cruz, mulher de Eduardo Cunha, já foi jornalista da Rede Globo

Nem só de escândalos políticos vive Cláudia Cruz, mulher de Eduardo Cunha . Antes de se casar com o ex-deputado já condenado na Operação Lava Jato , Cláudia foi jornalista da Globo , fez gravações para a Telerj e se envolveu em escândalos de outros tipos.

Leia também: Ticiana Villas Boas está oficialmente afastada do SBT

A mulher de Cunha exibe uma vida luxuosa em suas redes sociais
Reprodução/Facebook
A mulher de Cunha exibe uma vida luxuosa em suas redes sociais

Conheça dez curiosidades sobre Claúdia Cruz , a esposa de Eduardo Cunha e ré na Lava Jato:

Jornalista da Globo

Cláudia Cruz foi apresentadora do
Reprodução/Youtube
Cláudia Cruz foi apresentadora do "Jornal Hoje"

Nos anos 90, Cláudia Cruz - que é formada em Jornalismo - apresentou diversos telejornais da TV Globo. Dentre eles, o "RJTV", o "Jornal da Globo" e até mesmo o "Fantástico". Há ainda o "Bom Dia Rio", o "Globo Ciência" e o "Globo Comunidade". Ela ficou na emissora até 2001.

Ida para a Record

Em 2001, Cláudia saiu da Rede Globo e foi para a Record, onde apresentou o "Jornal da Record" por menos de um ano. Em 2002, ela decidiu abandonar o jornalismo para dar mais atenção ao seu relacionamento com Eduardo Cunha.

Leia também: Samara Felippo desabafa sobre "crise de aceitação" da filha mais velha

Processou a Record

Ao sair da Record, em 2002, Cláudia decidiu processar a emissora. Isso porque ela não foi contratada diretamente pela empresa, mas sim, através da C3 Produções Artísticas e Jornalísticas. Por causa disso, ela alegou uma terceirização ilegal. O caso foi encerrado em 2010, quando a emissora fez um acordo com a jornalista, em que ela recebeu R$ 3,4 milhões em valores brutos.

Como conheceu o marido

Claudia Cruz e Eduardo Cunha
Reprodução/Twitter
Claudia Cruz e Eduardo Cunha

Ela conheceu Eduardo Cunha, com quem viria a se casar anos depois, quando o entrevistou para a TV Globo. Na época, o político era presidente da Telerj, e havia sido indicado ao cargo pelo então presidente Fernando Collor.

Noticiou a demissão do futuro marido

No ano de 2000, Cláudia noticiou a demissão de seu futuro marido da Cohab (Companhia Estadual de Habitação), no "RJTV". Na época, Cunha estava sendo acusado de fraude em diversos contratos.

Memória Seletiva

Já na Operação Lava Jato, da Polícia Federal, em abril do ano passado, Cláudia prestou um depoimento em que afirmou “não se recordar a razão do pagamento de R$ 591.254,99”. A quantia teria sido repassado à sua empresa, a C3 Produções Artísticas e Jornalísticas, pela Libra Terminal. Curiosamente, essa última já fez diversas doações para financiar campanhas do PMDB, partido de Eduardo Cunha.

Louca por grifes

Claúdia Cruz ostenta diversas grifes em seu guarda-roupa
DIDA SAMPAIO/AGÊNCIA ESTADO - 19.8.15
Claúdia Cruz ostenta diversas grifes em seu guarda-roupa

Cláudia é louca por roupas e acessórios de grife, e tem um guarda-roupas recheado dessas peças. Há, inclusive, indícios de que ela teria usado dinheiro desviado de um negócio da Petrobras na África para comprar bolsas de luxo e sapatos de marcas famosas na Europa. 

Gravações da Telerj

Após a entrevista com Eduardo Cunha, ele a convidou para gravar mensagens para a Telerj. Nas gravações, ela dizia que o telefone para o qual os usuários estavam ligando estava ocupado ou informando dados pesquisados pelo serviço 102.

Processo contra Gabriel Pensador

Uma de suas gravações aparece na música  2345meia78 , de Gabriel Pensador. Ao tomar conhecimento do fato, Cláudia processou o rapper, pois não havia autorizado que ele usasse sua voz na canção.

Leia também: Luana Piovani relembra agressão de Dado Dolabella: "Poderia ter sido muito pior"

Olhos arregalados

Cláudia Cruz está sempre de olhos arreegalados em suas fotos
Reprodução/Facebook
Cláudia Cruz está sempre de olhos arreegalados em suas fotos

Em todas as suas fotos sorrindo, Cláudia Cruz está sempre com os olhos arregalados - o que é um pouco assustador. Diversos cirurgiões plásticos já deram entrevistas sobre qual condição poderia ter causado isso. Alguns apostam em excessos de cirurgia plástica, enquanto outros atribuem o olhar assustado de Cláudia ao excesso de aplicações de botox.

    Leia tudo sobre: Eduardo Cunha
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.