Cercado de expectativas, o especial de reunião do seriado "Friends" será adiado por conta da paralisação nas produções de Hollywood, causada pela pandemia de coronavírus.

Leia também: Nos 25 anos de "Friends", impacto da série mobiliza fãs de diferentes gerações

Elenco de Friends arrow-options
Divulgação/Imdb
Elenco de Friends

A informação foi confirmada pela revista Variety  com fontes que participariam da gravação do especial, que irá ao ar na plataforma de streaming HBO Max. As filmagens estavam planejadas para começar na próxima semana, mas agora passaram para, "no mínimo", maio.

Leia também: Preparado? Série "Friends" deve retornar em especial não-roteirizado de uma hora

A confirmação da aguardada reunião do elenco de " Friends " veio no mês passado. Os atores da produção chegaram a um consenso com a Warner, e a ideia é que a novidade ajude no lançamento da plataforma de streaming do HBO Max.

Os atores da série — que completou 25 anos de lançamento em outubro de 2019 — Jennifer Aniston, Courteney Cox, Lisa Kudrow, David Schwimmer, Matt LeBlanc e Matthew Perry chegaram a um acordo com a Warner Bros em que, segundo o site, cada um receberia entre US$ 3 milhões a US$ 4 mi. O total investido estaria em torno de US$ 20 mi.

A ideia do especial é que seja não-roteirizado e tenha envolvimento dos criadores Marta Kauffman e David Crane. Em novembro de 2019, a possibilidade do reencontro dos seis amigos já havia sido ventilada pelo Hollywood reporter . À época, o elenco e os criadores estariam em negociação.

Procuradas pela Variety , a Warner Bros. e a HBO Max não quiseram comentar.


Briga pelos direitos de transmissão

arrow-options
Divulgação/ National Broadcasting Company
"Friends"


Embora não revele dados de audiência, a Netflix — que tem disponível todas as temporadas da série — mostrou o quanto “Friends” era importante para seu modelo de negócios ao pagar, segundo o New York Times , US$ 100 milhões por seus direitos de exibição até o fim de 2019.

Leia também: Atriz de "Friends" surge na banheira com famoso ex-jogador de futebol: "Quente"

Em seguida, a empresa perdeu a produção para a WarnerMedia. Segundo o Hollywood Reporter , a gigante desembolsou US$ 425 milhões para ter a " Friends " por cinco anos, a partir de 2020, em seu novo serviço de streaming, o HBO Max (ainda sem previsão de chegar ao Brasil).

    Veja Também

      Mostrar mais