Nesta sexta-feira (26), estreou a 7ª e última temporada de “Orange is The New Black”. A série mostra a vida de algumas mulheres dentro dos presídios americanos. Pensando em toda história do seriado e sobre como ex-detentas sofrem para construir uma nova vida, a Netflix decidiu criar um fundo de caridade em prol dessas mulheres.

Leia também: "Orange is The New Black" volta para 5º ano agitado na Netflix

Netflix cria fundo para ex-detentas e homenageia personagem de
Divulgação/Imdb
Netflix cria fundo para ex-detentas e homenageia personagem de "Orange is The New Black"

A Netflix analisou com muito cuidado sobre como é a realidade de mulheres que passam pela mesma situação que as personagens de “ Orange is The New Black ” e foi depois disso que a plataforma de streaming criou o fundo de caridade. O nome para este projeto foi escolhido a dedo e é uma homenagem para uma das figuras mais marcantes da série.

“The Poussey Washington Fund  ” leva o nome da personagem interpretada por Samira Wiley. Esse fundo é para oferecer micro empréstimos a ex-detentas, para que elas consigam construir e investir em uma nova vida. Todo valor arrecadado desse fundo será dividido entre oito grupos sem fins lucrativos e já existentes.

Leia também: Cinco séries de terror para fazer uma maratona na Netflix

Reprodução/Twitter/@LauraPrepon
"Orange is The New Black" origina fundo de caridade em prol de ex-detentas

Poussey (Samira Wiley) foi morta na 4ª temporada da série por um policial, e foi o que causou as greves e os protestos dentro da prisão. Ao USA Today , Samira comentou sobre como está honrada de ter o nome de sua personagem no fundo de caridade.

“É só um programa de TV, no final do dia, mas está mudando a mentalidade das pessoas e espero que com esse fundo, mude também a vida das pessoas, dando a elas a educação que precisam e o sistema de saúde física e mental que possam precisar”, concluiu a atriz.

Uzo Aduba, que interpretou Crazy Eyes na série, usou seu Twitter para falar sobre o fundo de caridade: “O presente que 'OITNB' [sigla que simplifica o nome da série] tem sido na minha vida vai além das palavras, mas a grande honra que tenho dessa experiência toda que está acontecendo agora. O impacto de 'OITNB' continuara vivendo através do amor dos fãs e da Poussey Washington Fund. Orange pra sempre”.

Leia também: Além de “Bandidos na TV”: 10 séries sobre crimes que estão na Netflix

A atriz Laura Prepon, que interpreta Alex Vause, também demonstrou o quanto está feliz por este trabalho ter tomado essas proporções: “Estou honrada em ter feito parte de 'OITNB' pelos últimos sete anos. O impacto que a série causou tem sido tão importante pra mim, e sou muito grata por ele continuar através da Poussey Washington Fund”.

A produtora executiva e escritora de “ Orange is The New Black ” explicou que ideia para o fundo veio após diversas perguntas dos fãs: “É realmente um apelo para nossos fãs. Tem pessoas aí fora que pensam: ‘E agora? O que podemos fazer? Vocês nos deram a história, nós vimos e queremos fazer a diferença’, então espero que essa seja  a maneira de fazer isso”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários