Gabriel Diniz morreu na tarde desta segunda-feira (27), porém, ele não foi o primeiro cantor da banda Cavaleiros do Forró - a qual integrou entre 2010 e 2011 - a morrer de forma trágica.

Leia também: Morte de Gabriel Diniz resulta em briga política no Twitter

Cavaleiros do Forró%2C formação com Gabriel Diniz
Divulgação
Cavaleiros do Forró, formação com Gabriel Diniz

Em 2004, uma colisão frontal entre dois ônibus — um deles com a banda — matou o vocalista José Inácio da Silva e o guitarrista Edvan Paulo. Em 2017, outro acidente automobilístico matou a vocalista Eliza Clívia, em Aracaju. Ela chegou a cantar com Gabriel Diniz

Leia também: Luto! Famosos prestam homenagem a Gabriel Diniz nas redes sociais

O Cavaleiros do Forró é uma banda de grande popularidade em seu segmento, com mais de 2,5 milhões de álbuns vendidos em 18 anos de carreira. O grupo já tocou em programas como "Domingão do Faustão", da Rede Globo , "Domingo legal", do SBT ,  e "Hebe", também do SBT .

O acidente de 2004 foi na BR-101,  na cidade de Goianinha, a 70 km de Natal. Nele, morreram, além do cantor José Inácio e Edvan Paulo, mais duas pessoas — 20 ficaram feridos. O grupo musical voltava de um show realizado na cidade pernambucana de São Caetano.

Na época, o empresário da banda explicou que os integrantes da Cavaleiros retornariam de Pernambuco no ônibus pertencente ao grupo, mas mudaram de ideia porque o veículo apresentou problemas mecânicos.

Leia também: Gabriel Diniz planejava fazer surpresa para a namorada, Karoline

Eliza, que chegou a cantar com Gabriel Diniz , morreu com o marido depois que o veículo na qual ela estava bater em um ônibus. Eles retornavam de uma entrevista — a cantora havia iniciado sua carreira solo poucos meses antes.

    Veja Também

      Mostrar mais